Conferência sobre África termina com adoção de Declaração de Yokohama

O Japão prometeu combater as doenças infecciosas africanas

Publicado em 30/08/2019 - 07:44 Por NHK (Conglomerado de mídia pública do Japão) - Yokohama

Uma grande conferência, denominada Ticad, com três dias de duração, que debateu o desenvolvimento econômico e social da África terminou nesta sexta-feira, em Yokohama, Japão, com líderes e representantes adotando a "Declaração de Yokohama".

Esta foi a sétima edição da conferência desde que começou a ser realizada, em 1993. A Ticad é o pilar da política estrangeira do Japão na África.

Na cerimônia de encerramento, o primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, disse o seguinte: "Uma África dinâmica é, agora, uma parceira do Japão, e nós vamos crescer juntos. Confirmei este sentimento através da conferência que presidi por três vezes."

A declaração final mencionou o aproveitamento do potencial de investimentos do setor privado para melhorar o crescimento econômico e social na África.

Também prometeu continuar a combater doenças infecciosas investindo mais em iniciativas no setor de saúde.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias