Pós-Brexit: Reino Unido pode se retirar de conversações com UE

Se não houver progressos até junho, país decidirá o que fazer

Publicado em 28/02/2020 - 06:49 Por NHK* - Londres

O governo do Reino Unido diz que está pronto para se retirar das conversações com a União Europeia (UE) caso não sejam feitos progressos até o mês de junho.

Esta é a posição do primeiro-ministro Boris Johnson, manifestada nessa quinta-feira (27), e faz parte da política básica para as conversações pós-Brexit com a União Europeia, marcadas para começar na segunda-feira (2).

O Reino Unido visa a obter um acordo final até setembro. Contudo, se não houver progressos até junho, o governo decidirá se continua ou não com as conversações.

O país quer firmar um acordo comercial similar ao realizado entre a União Europeia e o Canadá. Isso significa abolir quase todas as tarifas impostas. O governo também disse que não tem intenção de estender o período de transição pós-Brexit, que vence no fim de dezembro.

*Emissora pública de televisão do Japão

Edição: -

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Voltar ao topo da página