Câmara homenageia ex-deputados Eduardo Campos e Pedro Valadares

Publicado em 02/09/2014 - 21:43 Por Iolando Lourenço - Repórter da Agência Brasil - Brasília

Os ex-deputados Eduardo Campos e Pedro Valadares, mortos em acidente de avião no último dia 13, em Santos (SP), foram homenageados hoje (2) em sessão solene da Câmara dos Deputados.  Em seus pronunciamentos, os deputados enalteceram o bom humor e o legado deixado por Campos e Valadares. Os parentes dos dois foram agraciados com placa que celebra os relevantes serviços prestados pelos ex-parlamentares.

O presidente da Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), disse que tanto Eduardo Campos como Pedro Valadares tinham em comum o projeto de tornar o Brasil em um país em que não faltasse trabalho, pão, educação saúde, teto e segurança a um único brasileiro.

Segundo Alves, as ações do ex-governador de Pernambuco e ex-candidato à Presidência da República, Eduardo Campos, servirão de exemplo. “É grande o legado deixado por ele. Sua bem sucedida trajetória no governo de Pernambuco e a sua maneira de fazer política servem de paradigma para todos nós, comprometidos com a constituição de um Brasil mais próspero, justo e solidário”, disse.

Durante a homenagem, os parentes de Campos e de Valadares se comprometeram a continuar os compromissos dos ex-deputados. A viúva de Eduardo Campos, Renata Campos, disse que a Câmara foi o cenário em que Eduardo e Valadares fizeram “a boa política, defendendo seu povo em busca de justiça”. Rodrigo Valadares, filho de Pedro, ressaltou o jeito brincalhão do pai e a parceria com Eduardo Campos de mais de 20 anos. Renata Campos estava acompanhada dos cinco filhos do casal e da mãe de Campos, a ministra Ana Arraes, do Tribunal de Contas da União.

A maioria dos líderes partidários foi à tribuna do plenário da Câmara para prestar homenagens aos ex-colegas e falar do legado que os dois deixaram ao Parlamento e ao Brasil. Líder do PSB e candidato à Vice-Presidência da República, o deputado Beto Albuquerque (RS), disse que Valadares e Campos deixaram lembranças de compromissos com a boa política, a lealdade partidária e a decência no trato da coisa pública.

Beto Albuquerque acrescentou que a tragédia aérea que matou os dois e mais cinco pessoas da equipe de campanha não vai interromper os ideais do ex-candidato à Presidência, Eduardo Campos. “É muito difícil de compreender, mas é fácil de superarmos [a tragédia] por meio das palavras do próprio Eduardo: ‘Não podemos deixar nada pela metade’. Este partido e esta bancada não deixarão pela metade a caminhada iniciada por Eduardo Campos”, ressaltou.

 


Fonte: Câmara homenageia ex-deputados Eduardo Campos e Pedro Valadares

Edição: Stênio Ribeiro

Últimas notícias