Manifestantes ocupam Avenida Paulista e região; PM diz que 1 milhão protestam

Publicado em 15/03/2015 - 16:42 Por Marli Moreira - Repórter da Agência Brasil - São Paulo

A Avenida Paulista, na região central de São Paulo, está tomada por manifestantes. Eles ocupam a pista nos dois sentidos, portando faixas e cartazes com críticas à corrupção e às medidas econômicas adotadas pelo governo federal. Alguns manifestantes pedem a saída da presidenta Dilma Rousseff e representantes de grupos de extrema direita, que defendem a intervenção militar.

Segundo estimativa da Polícia Militar (PM), divulgada às 14h40, mais de 1 milhão de pessoas ocupam a Paulista e as ruas adjacentes. A corporação informou que não foi registrado nenhum incidente no ato.

Os manifestantes começaram a chegar ao vão-livre do Museu de Arte de São Paulo (Masp) no final da manhã e, por volta das 13h30, havia no local cerca de 9 mil pessoas, de acordo com a PM. Antes do início do ato, previsto para as 15h, a PM estimou que mais de 200 mil pessoas estavam na avenida e nas ruas próximas.

Durante a ditadura militar (1964-1985) o Estado brasileiro restringiu as liberdades individuais e praticou diversas violações de direitos humanos. Pelo menos 434 pessoas foram mortas ou desapareceram por ação dos agentes da repressão. Segundo o relatório final da Comissão Nacional da Verdade, o número não leva em conta os camponeses e indígenas que também sofreram com a ação dos agentes da ditadura. A identificação dessas pessoas deverá aumentar o número de vítimas do regime militar.

Edição: Lana Cristina

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Um trabalhador fica perto de um tanque da empresa estatal de petróleo da Petrobras em Brasília
Economia

Campo de Búzios registra recorde de produção em julho

Esse é o maior campo de petróleo em águas profundas do mundo, segundo a Petrobras. Produção do mês passado foi de 615 mil barris de óleo por dia (bpd).

Moeda Nacional, Real, Dinheiro, notas de real,Cédulas do real
Economia

Baixa inflação permitiu corte nos juros, avaliam entidades

Entidades do setor produtivo consideram acertada a redução da Selic para 2% ao ano, o menor nível da história. Para CNI, juros baixos ajudam a conter efeitos da crise.

tombense
Esportes

Tombense chega à final do Mineiro pela primeira vez

Equipe volta a superar Caldense nas semifinais da competição, e espera vencedor de Atlético e América na grande decisão.

Brasília 60 Anos - Esplanada dos Ministérios
Geral

Governo prepara consulta aos 600 mil servidores federais

Pesquisa vai mapear clima organizacional nos órgãos públicos e será disponibilizada entre 21 de setembro e 12 de outubro. Participação é voluntária e totalmente sigilosa.

Fachada do edifício sede do Supremo Tribunal Federal - STF
Justiça

STF valida restrição para operações policiais no Rio

Pela decisão, as operações policiais no Rio de Janeiro poderão ser deflagradas somente em casos excepcionais, após justificativa enviada ao Ministério Público.

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luiz Fux, durante aula magna sobre o tema Educação e Democracia: Perspectiva 2018, na abertura do curso da pós-graduação Lato Sensu em Democracia, Direito Eleitoral e Poder Legislativo.
Justiça

Luiz Fux defende uso de inteligência artificial no Judiciário

O magistrado argumentou que sistemas podem contribuir para substituir tarefas laboriosas, feitas por diversos servidores, gerando ganho de eficiência na análise de processos.