Após renúncia de Cunha, Serraglio desmarca sessão na CCJ para analisar parecer

Publicado em 07/07/2016 - 19:42 Por Luciano Nascimento – Repórter da Agência Brasil - Brasília

O presidente da Comissão de Consituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados, Osmar Serraglio (PMDB-RJ) desmarcou a sessão da comissão marcada para a próxima segunda-feira (11), que iria analisar o parecer de Eduardo Cunha (PMDB-RJ) pedindo a anulação da votação do Conselho de Ética, que decidiu pedir a cassação do mandato de Cunha.

Nova reunião foi marcada para a próxima terça-feira (12). Serraglio justificou o adiamento em razão da renúncia de Eduardo Cunha.

O cancelamento foi anunciado durante a reunião de líderes partidários para tratar do processo sucessório da Casa. Durante a reunião, o líder do Pros e ralator do recurso na CCJ, Ronaldo Fonseca (DF) disse que o próprio Cunha aditou o recurso em trêmite na comissão.

No pedido, Cunha pede que seu processo seja devolvido ao Conselho de Ética. O peemedebista argumentou que o processo tramitou levando em conta a sua condição de presidente da Casa.

Edição: Maria Claudia

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias