Salim Mattar vai comandar a Secretaria de Privatizações

Publicado em 23/11/2018 - 13:36 Por Vítor Abdala - Repórter da Agência Brasil* - Rio de Janeiro

O executivo Salim Mattar, fundador da empresa de locação de automóveis Localiza, aceitou hoje (23) o convite para comandar a Secretaria de Privatizações, que será vinculada ao Ministério da Fazenda no governo do presidente eleito Jair Bolsonaro. O órgão será responsável pelos projetos de desestatização e desinvestimentos.

A equipe econômica confirmou a informação em nota. “O empresário Salim Mattar aceitou o convite do futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, para assumir a Secretaria-Geral de Desestatização e Desmobilização, que será criada como parte da estrutura do Ministério da Economia no novo governo”, diz a nota.

Anteriormente, o empresário foi sondado para ocupar a Secretaria de Indústria e Comércio – hoje ministério autônomo.

Neto de libaneses, Mattar costuma dizer que muito jovem descobriu como poderia criar o próprio negócio e ter lucros: a partir do aluguel de automóveis. De família grande, ele perdeu o pai precocemente, foi office boy e trabalhou em armazém até ser dono da sua empresa.

Nota

O comunicado da equipe econômica informa ainda que Mattar é fundador e presidente do conselho da Localiza, uma das maiores locadoras de veículos do mundo, e integrante do Instituto Millenium, fundado por Guedes para promover o liberalismo econômico.

A nova secretaria vai ser responsável pelos desinvestimentos, desmobilização e busca de maior eficiência na gestão dos ativos da União.

Equipe

Mattar vai integrar a equipe econômica do próximo governo que já conta com os nomes de Roberto Campos Neto, que irá para o Banco Central; Roberto Castello Branco, que assumirá o comando da Petrobras; e Joaquim Levy, que vai presidir o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). 

Ontem (22), Guedes também confirmou o professor da Fundação Getulio Vargas (FGV), Rubem de Freitas Novaes, para o comando do Banco do Brasil; Pedro Guimarães, para a Caixa Econômica Federal; e Carlos Von Doellinger para estar à frente do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) a partir do ano que vem.

Empresa

Mattar deixará a presidência do Conselho de Administração da Localiza em dezembro para se dedicar à vida pública. Segundo nota da empresa, este é o segundo processo sucessório da presidência da Localiza.

A carta de renúncia de Mattar será apresentada em reunião do Conselho marcada para 13 de dezembro, quando, também será informado o nome do novo presidente do Conselho. Na presidência da companhia continua Eugenio Mattar, que está no comando desde 2013.

A nota destaca que Salim deixa a empresa “com absoluta confiança no conselho, no CEO, na direção e nos colaboradores, na rede de parceiros e fornecedores, bem como na estrutura da companhia, que está devidamente preparada para manter sua trajetória de perenidade”.

*Colaborou Andreia Verdélio // Texto ampliado às 18h41

Edição: Kleber Sampaio e Sabrina Craide

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias