Registro de Doadores de Medula Óssea pede que voluntários atualizem cadastro

Registro de Doadores pede que voluntários atualizem cadastro

Publicado em 25/09/2019 20:07 Por Tatiana Alves - Rio de Janeiro

O Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea (Redome) está sendo atualizado. Todas as pessoas inscritas como doadoras precisam atualizar suas informações cadastrais.

A ação faz parte das mobilizações pelo Dia Mundial do Doador de Medula Óssea, celebrado no terceiro sábado de setembro, data criada pela Associação Mundial de Doadores de Medula, que reúne registro em todo o mundo, totalizando cerca de 35 milhões de voluntários. O Brasil foi o primeiro país da América Latina a incluir o dia em sua agenda e realiza campanhas sempre direcionadas para a conscientização dos doadores.

A coordenadora do Redome, Danielli Oliveira, alerta que, atualmente, cerca de 25% dos doadores brasileiros em potencial não são encontrados e, apesar deste percentual ser comparável a registros de outros países, ela acredita que pode ser reduzido com ações que reforcem a importância da atualização de cadastro.

O contato com o doador representa um grande desafio para registros de todo o mundo, já que muitos voluntários estão cadastrados há mais de 20 anos.

Doador de medula, o farmacêutico André Matos faz palestras para conscientizar pessoas sobre a importância da doação. André lembra da emoção ao encontrar, três anos depois de fazer a doação, o receptor da medula.

Criado em 1993, o Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea é coordenado pelo Instituto Nacional de Câncer e o Ministério da Saúde.

Para fazer a atualização de seus dados, os doadores devem acessar o site redome.inca.gov.br. Já quem quiser se tornar doador deve procurar o Hemocentro público mais próximo de sua residência.

A relação dos bancos de sangue que fazem o procedimento em todo o país também pode ser encontrada no site do Inca.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique