Confira as dicas de cinema de junho para quem está capital federal e o que rola de novo no Netflix

Cultura

Publicado em 03/06/2017 - 14:55 Por Apresentação Simone Magalhães - Brasília

A apresentadora Simone Magalhães, da Rádio Nacional AM Brasília, dá dicas de filmes que estreiam em junho e que estão em cartaz em Brasília. Também fala das novidades que o Netflix traz em sua página e da exposição sobre o filme Amélie Poulain. Confira.

Últimas notícias
Saúde

Queijo com probiótico da UFMG pode ajudar com doença no intestino

Os benefícios foram comprovados em experimentos com camundongos. Agora, os pesquisadores precisam de financiamento para realizar testes com humanos. Queijo tem potencial para melhorar qualidade de vida de pessoas que têm colite ulcerativa.

Baixar arquivo
Justiça

MPF abre novo procedimento após morte de cidadão em abordagem da PRF

Imagens veiculadas na internet mostram a vítima presa dentro de uma viatura esfumaçada. O IML de Sergipe identificou de forma preliminar que a vítima teve como causa da morte insuficiência aguda secundária a asfixia.

Baixar arquivo
Geral

Chuvas em AL: Governo reconhece situação de emergência em 9 municípios

O governo federal reconheceu a situação de emergência em nove municípios de Alagoas por causa das fortes chuvas que atingem o estado. Outras duas cidades estão com processo de reconhecimento federal em andamento. 

Baixar arquivo
Justiça

Chacina de Unaí: ex-prefeito é condenado a 64 anos de prisão

O Tribunal do Júri Federal condenou nesta sexta-feira o produtor rural e ex-prefeito Antério Mânica no caso do assassinato de três auditores fiscais e do motorista, em 2004, em Unaí (MG).

Baixar arquivo
Saúde

RJ: Casos de dengue aumentam 177% nos cinco primeiros meses deste ano

A capital fluminense concentra a maioria dos registros da doença, mas as regiões Noroeste e Norte apresentam alta transmissão, de acordo a Secretaria de Estado de Saúde.

Baixar arquivo
Economia

Ministério de Minas e Energia diz que estoque de diesel dura 38 dias

Se a importação desse combustível fosse suspensa, seria possível atender à demanda durante 38 dias, com esses estoques e a produção nacional.

Baixar arquivo