Denúncias de violência contra pessoas com deficiência aumentam 0,6% em 2018

Direitos humanos

Publicado em 25/06/2019 - 17:31 Por Victor Ribeiro - Brasília

Um levantamento do Ministério dos Direitos Humanos aponta que, ao longo do ano passado, 11.752 casos de violência contra pessoas com deficiência foram denunciados ao Disque 100. O serviço reúne registros de violação de direitos humanos. O número de denúncias aumentou 0,6% em relação ao ano de 2017.

 

Os dados coletados mostram que, assim como nos casos de violência contra mulheres, crianças, idosos e a população LGBT, os agressores normalmente são pessoas próximas das vítimas. Entre eles, irmãos, que respondem por quase 20% dos casos.

 

Pessoas com deficiência relataram participação dos próprios pais ou mães em cerca de 13% das agressões. Os filhos cometeram 10% dos casos de violência relatados contra pais com alguma deficiência. Já os vizinhos foram apontados como autores de 4% das violações e outros familiares foram responsáveis por quase 21% das denúncias ao Disque 100.

 

O perfil das vítimas é o seguinte. Na maioria das vezes, são mulheres jovens, com idade entre 18 e 30 anos, e com deficiência mental. Em cada quatro registros, três ocorreram dentro de casa.

 

Para tentar reprimir esses atos e investigar os agressores, a Secretaria Nacional da Pessoa com Deficiência apoiou a criação de delegacias especializadas nesse tipo de violência. A primeira abriu em São Paulo, no ano de 2014. Depois, no Distrito Federal e nos estados de Goiás, Minas Gerais e Ceará.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Saúde

Vacinados ainda podem ser infectados pelo coronavírus

De acordo com especialistas, a imunização evita casos graves da doença, mas não impede que a pessoa seja reinfectada - e transmita o vírus. Para evitar o contágio, vacinação deve ser combinada com distanciamento social e uso de máscara.

Baixar arquivo
Política

Senado: Cronograma para CPI da Covid será apresentado na segunda

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, disse que na próxima segunda-feira, vai apresentar o cronograma e os procedimentos para a instalação da CPI da Covid-19.

Na primeira reunião serão escolhidos por meio de votação o presidente e o vice-presidente da Comissão.

Baixar arquivo
Política

Joaquim Silva e Luna é aprovado para a presidência da Petrobras

O general foi aprovado em reunião do Conselho de Administração da estatal realizada nesta sexta-feira (16). Também foram nomeados os sete integrantes da Diretoria Executiva da estatal. Três deles foram reconduzidos ao cargo.

Baixar arquivo
Saúde

Anvisa chega neste sábado a Moscou para vistoriar fábrica da Sputnik V

Conclusões vão subsidiar decisão sobre uso da vacina no Brasil. Anvisa faz busca ativa das informações, já que 40% dos documentos que devem ser entregues pelos fabricantes estão incompletos ou não chegaram a ser apresentados.

Baixar arquivo
Saúde

SP: Crianças e gestantes foram vacinadas contra covid por engano

 Ao todo, 51 pessoas foram vacinadas contra a covid-19 por engano no estado de São Paulo. Eram pessoas que deveriam tomar a vacina contra a gripe e acabaram recebendo doses da Coronavac.

Baixar arquivo
Geral

SP libera comércio e cultos religiosos em nova fase de transição

Medidas restritivas anunciadas ficam entre a atual fase vermelha do Plano São Paulo e a laranja, que adota restrições ainda mais brandas. As regras valem a partir de domingo (18).

Baixar arquivo