Defensoras públicas criam projeto para atender órfãos do feminicídio

Publicado em 07/01/2022 - 19:36 Por Daniel Ito - Repórter da Rádio Nacional - Brasília

Um levantamento do Fórum Brasileiro de Segurança Pública apontou que quatro mulheres foram mortas por dia no Brasil por um parceiro atual ou antigo, no primeiro semestre de 2021. As altas taxas de feminicídio no país trazem consigo um problema social menos óbvio do que a morte de mulheres: o abandono e o trauma vivido pelos filhos das vítimas.

No Amazonas, um grupo de defensoras públicas iniciou um projeto em 2018 para prestar assistência psicossocial e jurídica aos órfãos desse tipo de crime.

Os trabalhos começaram por iniciativa da defensora Caroline Braz — que, na época, coordenava o Núcleo de Proteção e Defesa dos Direitos das Mulheres da Defensoria Pública do Estado do Amazonas. Ela percebeu que as crianças que perderam suas mães para o feminicídio, muitas vezes por ação do próprio pai, apresentavam fortes traumas psicológicos e desamparo familiar. Segundo Caroline Braz, não são raros os casos em que a criança testemunhou o crime.

Em dezembro, essa iniciativa do Amazonas foi contemplada pelo Prêmio Innovare, que premia os melhores projetos de instituições jurídicas do país. Para Caroline Braz, esse reconhecimento traz visibilidade a essas crianças que, segundo a defensora pública, estavam esquecidas. A promotora propõe a criação de um protocolo nacional para que as crianças sejam atendidas rapidamente nesses casos.

O feminicídio é a consequência mais trágica do machismo estrutural — que expõe muitas mulheres brasileiras a todo tipo de violência física e emocional por parte de seus parceiros e ex-parceiros. Esses comportamentos são crimes previstos na Lei Maria da Penha.

Para denunciar, basta ligar para o telefone 180. O serviço funciona 24 horas por dia, em todo o território nacional.

Edição: Sheily Noleto / Beatriz Arcoverde

Últimas notícias
Saúde

Chegam mais doses da vacina para crianças; estados começam imunização

Chegou ao Brasil neste domingo (16) mais uma remessa da vacina Pfizer para a imunização de crianças a partir de cinco anos. O novo lote, com 1,2 milhão de doses desembarcaram no Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, São Paulo, pela manhã.

Baixar arquivo
Saúde

Rio de Janeiro segue testando para covid-19

O  estado do Rio de Janeiro está ampliando sua rede de testagem para Covid. A expectativa do governo é oferecer 5 mil e 800 testes por dia, já a partir desta segunda-feira (17).

Baixar arquivo
Educação

Reaplicação do Enem 2021 termina neste domingo

Hoje (16) é o segundo dia de reaplicação de provas para os candidatos do  Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem, 2021 em todo o país. Os estudantes vão responder a 90 questões de ciências da natureza e matemática. 

Baixar arquivo
Saúde

Covid: Rio de Janeiro começa vacinação de crianças nesta segunda

A meta é vacinar cerca de 1,5 milhão de crianças, entre 5 a 11 anos, contra a covid.

Baixar arquivo
Saúde

Estado do RJ registra novo recorde de casos de covid em 2022

Foram confirmados nesta sexta-feira (14) mais de 16 mil casos. Até então, o maior número de diagnósticos positivos neste início de ano tinha sido registrado no dia anterior, com mais de 12.800 ocorrências.

Baixar arquivo
Saúde

Casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave aumentam 135% no Brasil

Os casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave no Brasil deram um salto de 135% quando comparadas as três últimas semanas de novembro do ano passado com os últimos 21 dias.

Baixar arquivo