Senacon: cliente tem direito de remarcar passagens

Consumidor-passagens

Publicado em 15/03/2020 - 12:44 Por Michelle Moreira - Brasília

Para quem tem viagem marcada, a Senacon -Secretaria Nacional do Consumidor - recomenda as empresas  que o cliente tenha o direito de remarcar - sem taxas - as viagens turísticas previstas para acontecer nos próximos SESSENTA dias. A medida vale ainda para hoteis e pacotes.

 

De acordo com o órgão federal - que é vinculado ao Ministério da Justiça e Segurança Pública - a remarcação deve considerar o destino, temporada e as tarifas das passagens.

 

A recomendação leva em consideração os casos confirmados no Brasil de covid-19 e o aumento no número de países em que a doença foi diagnosticada; com comprovado índice de contágio do vírus, especialmente em casos de passageiros idosos ou outros grupos de risco e ainda nas situações em que governos decretaram pandemia, suspensão de espetáculos e aulas.

 

A partir da recomendação, o consumidor que comprou passagens em agências de turismo e companhias aéreas com atividades no Brasil - com vendas em moeda nacional - deve poder realizar o reagendamento sem custos; bem como a hospedagem.

 

De acordo com a Senacon, o consumidor pode se valer desta orientação em processo de negociação pessoal com as empresas que ofertam os serviços ou com ajuda do PROCON, além de advogados.

 

Ainda segundo o Governo Federal, as empresas devem manter a posição que já adotaram de oferecer possibilidade de negociação com o consumidor para evitar que o caso chegue na justiça.

 

No último dia 09 , os Ministérios da Economia, Turismo e Saúde; além da própria Senacon publicaram nota conjunta com orientações gerais sobre o impacto do coronavírus nas relações entre empresas e consumidores.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Política

Câmara apresenta novo parecer do texto de reforma do Imposto de Renda

O deputado federal Celso Sabino, do PSDB, apresentou, nesta terça-feira, um novo parecer para o projeto de reforma do Imposto de Renda, apresentado pelo governo federal em junho.

Baixar arquivo
Geral

Chuvas deixam ao menos cinco povoados isolados em Roraima

Defesa Civil do Estado considera imprevisto o volume de chuvas para o período. Estragos atingem cerca de 3 mil pessoas em nove cidades. 

Baixar arquivo
Saúde

Covid-19: Queiroga pede que brasileiros se imunizem com a segunda dose

O Ministro da Saúde esteve na Comunidade da Maré, no RJ, onde foi apresentado um balanço da vacinação em massa contra o coronavírus, neste que é o maior conjunto de favelas da cidade.

Baixar arquivo
Educação

Educação bilíngue de surdos é inserida na LDB da educação nacional

A educação bilíngue é aquela em que a Língua Brasileira de Sinais é considerada a primeira língua, e o português escrito como segunda língua.

Baixar arquivo
Geral

#AprenderParaPrevenir quer alertar sobre riscos de desastres naturais

Com o tema #AprenderParaPrevenir foi lançada, nessa terça-feira, a campanha nacional para conscientizar a população de que é possível reduzir o risco de determinados desastres naturais, como, por exemplo, incêndios florestais.

Baixar arquivo
Saúde

Covid-19: Anvisa autoriza teste do medicamento Leronlimabe

A Anvisa autorizou, nesta segunda-feira, o estudo clínico para avaliar a segurança e a eficácia do medicamento Leronlimabe. A ideia é usar a droga para tratar pacientes com covid-19 e que tenham desenvolvido quadros moderados de pneumonia.

Baixar arquivo