Conheça o dia a dia dos trabalhadores de serviços essenciais durante a pandemia

Serviços essenciais

Publicado em 02/05/2020 - 10:00 Por Dimas Soldi - São Paulo

Uma das instituições mais confiáveis do brasileiro, o Corpo de Bombeiros, continua ativo mesmo na quarentena. Até chamados de pacientes em estado grave da Covid-19, que precisam ser levados às pressas a hospitais, eles atendem.

 

Quando isso acontece, o uniforme muda, o equipamento de proteção é indispensável, como explica André Elias dos Santos, tenente porta-voz do Corpo de Bombeiros de São Paulo.

 

Um dos serviços essenciais que não podem parar, mesmo durante uma pandemia, é o transporte público. E para tudo continuar em funcionamento é preciso muita gente trabalhando. O metrô de São Paulo é o maior do país. E mesmo com o número reduzido de passageiros, o sistema não deixa ninguém a pé. 

 

Quem chega na plataforma sabe que vai embarcar. A Mary Helen Maruyama Costa é operadora há cinco anos. Sabe dos riscos de se contaminar ao sair de casa, mas como ela, diz é a profissão que ela escolheu.

 

Os ônibus em todo o país continuam levando passageiros graças ao trabalho de pessoas como o Sílvio Feitosa Rodrigues, motorista há 16 anos.

 

Os profissionais de saúde já são indispensáveis no dia a dia. Durante uma pandemia, eles se tornam heróis. Neste momento, a saúde física de todo mundo pode ser afetada, mas também a saúde mental. A médica psiquiatra Alexandrina Meleiro, mesmo fazendo parte do grupo de risco, faz questão de atender pessoalmente os pacientes que não se adaptam ao método online. 

 

Um dos lugares que chegam a ficar abertos 24 horas por dia são as farmácias. O primeiro atendimento de quem fica doente acontece muitas vezes por profissionais como a farmacêutica Eliete Bachrany, que segue na linha de frente.

 

Bombeiros, motoristas, profissionais da saúde e de tantas outras áreas a postos no combate à pandemia. O jeito de trabalhar mudou, o que não muda é dedicação desses profissionais.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Saúde

STJ decide que plano de saúde deve custear remédio de canabidiol

O Superior Tribunal de Justiça determinou que uma operadora de plano de saúde forneça medicamentos à base de canabidiol a um paciente diagnosticado com epilepsia grave. O canabidiol é extraído da Cannabis sativa, planta conhecida como maconha.

Baixar arquivo
Política

PEC dos Precatórios deve ser votada nesta quarta na Câmara

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, marcou para esta quarta-feira a votação da PEC dos Precatórios. Prevista na pauta dessa terça-feira, Lira justificou que o adiamento foi necessário porque faltava conversar com alguns líderes sobre o texto.

Baixar arquivo
Geral

Santa Catarina passa a adotar número de RG igual ao do CPF em novembro

. Quem já tiver o RG, o número continua valendo, mas quem for emitir a primeira via já não vai contar com um número separado do RG.

Baixar arquivo
Saúde

Alerj aprova liberação do uso de máscaras ao ar livre no estado do Rio

O projeto aprovado pela Alerj ainda precisa seguir para sanção ou veto  do governador Cláudio Castro, que tem um prazo de 15 dias para publicar a decisão.

Baixar arquivo
Geral

Roubo de cabos de energia dificultou trajetos do metrô em São Paulo

Segundo o Metrô, foram roubados 30 metros de cabos do sistema que alimenta a energia dos trens. A confusão começou por volta das 5h e também comprometeu a operação na Linha Azul.

Baixar arquivo
Saúde

INCA alerta para perigos do consumo coletivo de narguilés na pandemia

Para além dos riscos da transmissão de doenças como a covid, caso a mangueira seja compartilhada, uma sessão de narguilé, que costuma durar entre 1hora a 90 minutos, equivale ao consumo de 100 cigarros comuns. 

Baixar arquivo