Banco Central mantém taxa Selic em 2% ao ano

Decisão interrompe trajetória de queda dos últimos meses

Publicado em quinta-feira, 17 Setembro, 2020 - 12:16 Por Lucas Pordeus León - Brasília

O Banco Central manteve a taxa básica de juros da economia em 2% ao ano, interrompendo a trajetória de queda dos últimos meses.

Em nota, o Comitê de Política Monetária (Copom) justificou a decisão afirmando que a inflação deve se elevar no curto prazo por causa do aumento nos preços de alimentos e também por conta da normalização parcial do preço dos serviços.

O Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) dos alimentos, que, em março, estava em 5% no acumulado dos últimos 12 meses, saltou para 11% em agosto.

A taxa básica de juros é o instrumento usado pelo governo para controlar a inflação e estimular os investimentos e o consumo. Quando os preços sobem a taxa tende a subir, já quando a inflação cai a taxa Selic também costuma acompanhar essa queda.

O Copom ainda afirmou que nova mudanças, caso ocorram, serão graduais e dependerão da situação das contas públicas. A manutenção da taxa Selic já era esperada pelos analistas financeiros do mercado, que apostam que o Banco Central deve manter os 2% pelo menos até o final deste ano.

O Copom ainda tem mais dois encontros neste ano para definir o valor da taxa Selic.

 

Edição: Lana Cristina

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Cultura

Morre Jane Di Castro, artista pioneira na luta LGBTI

Atriz e cantora foi vítima de um câncer e estava internada desde o último dia 14

Baixar arquivo
Saúde

Rodrigo Maia busca consenso para impasse sobre vacina chinesa

Após encontro com governador João Doria nesta sexta-feira (23), presidente da Câmara disse estar aberto ao diálogo para garantir acesso à CoronaVac, e defendeu a produção da vacina em parceria com o Instituto Butantan

Baixar arquivo
Saúde

Anvisa autoriza importação de 6 milhões de doses da CoronaVac

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou nesta sexta-feira (23) a importação de 6 milhões de doses da vacina experimental contra a covid-19, fabricada pelo laboratório chinês Sinovac e testada no Brasil em parceria com o Instituto Butantan.

Baixar arquivo
Saúde

Apesar de queda, regiões estão em zona de risco para SRAG

Boletim InfoGripe da Fiocruz aponta que ocorrência de Síndrome Respiratória Aguda Grave ainda é alta no país

Baixar arquivo
Saúde

Mortes por covid-19 caem 17,5% no país

Pandemia desacelerou na semana de 11 a 17 de outubro

Baixar arquivo