Selo certifica produto artesanal de origem animal para venda no país

Chamado de Arte, registro já é adotado em cerca de 160 produtos

Publicado em 15/05/2021 - 07:45 Por Luísa Câmara - Estagiária da Rádio Nacional* - Brasília

Produzir alimentos em pequena escala e com ingredientes naturais. Essas são algumas das características dos produtos artesanais, que contam com a presença cada vez mais forte do selo Arte, identificação que atesta a qualidade desses produtos.

Para o produtor artesanal, receber o selo Arte é uma oportunidade de expandir seu comércio para outros estados, além de dar mais confiança para os consumidores. É o que explica Matheus Eduardo, que há 4 anos vende e produz queijos em Alexânia, município de Goiás. Para ele, o selo é um diferencial.

“O selo Arte é obrigatório para quem quer comercializar os produtos em mercados, empórios, esse tipo de comércio. A gente consegue vender os queijos, mas não é uma forma legal, a gente é barrado por fiscais da vigilância sanitária, aí o selo Arte é uma forma da gente regularizar nossa fábrica de queijos”.

A coordenadora-geral de Produção Animal da Secretaria de Inovação, Desenvolvimento Rural e Irrigação, Marcella Alves, explica que o selo não é obrigatório, mas, para vender em mercados, se faz necessário e traz benefícios.

“O selo Arte permitiu que os produtos com essa característica artesanal fossem comercializados em todas as unidades da federação. Antes era necessária uma inspeção federal”.

123 estabelecimentos já receberam o selo Arte, que foi estampado em 160 produtos por todo o Brasil, como queijos, doce de leite, ricota e manteiga. Seis estados já concedem essa certificação aos produtores: Espírito Santo, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Santa Catarina, Pará e São Paulo.

Para receber o selo, é necessário que o produtor tenha registro no serviço de inspeção oficial, que emitirá um relatório de fiscalização comprovando o atendimento às Boas Práticas Agropecuárias e de Fabricação.

Após esse processo, é necessário que o interessado entre em contato com o órgão estadual de agricultura e apresente informações que demonstrem o mérito do produto quanto ao modo artesanal de produção.

As matérias-primas de origem animal devem ser produzidas na propriedade onde a unidade de processamento estiver localizada, e os procedimentos de fabricação precisam ser predominantemente manuais.

 

*Com supervisão de Nádia Faggiani

Edição: Nádia Faggiani/ Sumaia Villela

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Geral

Universo: Entenda como as constelações são batizadas

Cassiopeia, Carina, Fenix...Estes nomes te remetem a alguma coisa? Não? E Andrômeda?! Este você conhece? Todos estes são nomes de constelações. Andrômeda está entre as mais famosas, e inspira obras de ficção científica.

Baixar arquivo
Política

Deputados voltarão a analisar MP sobre privatização da Eletrobras

O Senado aprovou nessa quinta-feira (17) a Medida Provisória que viabiliza a privatização da Eletrobras, a maior empresa de energia elétrica da América Latina. 

Baixar arquivo
Esportes

Brasil vence Peru por 4 a 0

O Brasil ganhou do Peru por 4 a 0, nesta quinta-feira (17), pela Copa América. Já a Colômbia e a Venezuela empataram em 0 a 0.

Confira as notícias do futebol com Bruno Mendes.

Baixar arquivo
Justiça

STF proíbe manutenção de empregos de aposentados em estatais após 2019

O plenário do Supremo Tribunal Federal decidiu que o vínculo empregatício de funcionários de empresas estatais deixa de existir para todos os que se aposentaram depois da reforma da previdência de 2019.

Baixar arquivo
Política

Bolsonaro pede a supermercadistas que não aumentem a cesta básica

Durante encontro com empresários, no Rio de Janeiro, o presidente da Republica, Jair Bolsonaro, fez um apelo ao setor supermercadista para que segurem os preços da cesta básica. Os empresários entregaram uma carta com pedidos de avanço da vacinação e prorrogação do auxílio emergencial

Baixar arquivo
Saúde

Com aumento de casos de covid, Araraquara vai adotar novo lockdown

Com crescimento de casos de coronavírus, Araraquara vai adotar novo lockdown. A decisão foi tomada nessa quinta-feira depois da cidade registrar pelo terceiro dia consecutivo mais de 20% de testes positivos nas amostras colhidas de pessoas com sintomas e assintomáticas.

Baixar arquivo