Medida provisória estabelece regras para renegociação do Fies

Publicado em 07/01/2022 - 09:46 Por Ana Lúcia Caldas* - Repórter da Rádio Nacional - Brasília

Tem muita gente que pegou dinheiro pra pagar os estudos e não conseguiu quitar as parcelas mensais. Resultado: mais de um milhão de estudantes estão na lista de inadimplentes. Para facilitar o pagamento dos atrasados, o governo editou no dia 31 de dezembro de 2021, uma medida provisória que estabelece regras para renegociação do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

As novas regras valem para 2,6 milhões de contratos ativos do Fies, abertos até 2017, com saldo devedor de R$ 82,6 bilhões. Desse total, 48,8% - 1,07 milhão de estudantes -, estão inadimplentes há mais de 360 dias.

Com isso, poderão renegociar os débitos estudantes que formalizaram a contratação do Fies até o segundo semestre de 2017. Quem está inscrito no Cadastro Único dos Programas Sociais do governo ou que recebeu auxílio emergencial tem condições diferenciadas.

A adesão à renegociação pode ter desconto de até 92% no valor devido, desconto integral nos encargos moratórios e parcelamento que chega a 150 meses, ou seja, 12 anos e meio.

Na tradicional live das quintas-feiras, o presidente Jair Bolsonaro falou da renegociação.

A renegociação de dívidas deverá ser realizada por meio dos canais de atendimento que serão disponibilizados pelos agentes financeiros do programa. Apesar de estar em vigor desde a semana passada, a medida provisória ainda precisará ser aprovada em definitivo pelo Congresso Nacional em até 120 dias após o fim do recesso legislativo, que termina em fevereiro.

*com informações da Agência Brasil


 

Edição: Rádio Nacional/ Marizete Cardoso

Últimas notícias
Cultura

Choro é reconhecido como Patrimônio Cultural do Brasil

Representado por músicas como Carinhoso, de Pixinguinha, e Brasileirinho, de Waldir Azevedo, entre tantas outras, o choro é um gênero genuinamente brasileiro. E, para o músico Marcio Marinho, talvez seja o gênero que "dê mais fisionomia" ao nosso povo

Baixar arquivo
Educação

MEC divulga lista dos pré-selecionados na segunda chamada do Prouni

O Ministério da Educação (MEC) divulgou neste sábado (2) a lista dos candidatos pré-selecionados na segunda chamada do Programa Universidade para Todos (Prouni) de 2024. A lista está disponível no Portal Único de Acesso ao Ensino Superior.

Baixar arquivo
Economia

Zona Franca de Manaus terá R$1,2 bilhão em investimentos

A Zona Franca de Manaus vai receber mais de R$1 bilhão em investimentos. Esse montante é referente a 33 projetos que foram aprovados na última reunião do Conselho de Administração da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), liderada pelo presidente da República em exercício, Geraldo Alckmin.

Baixar arquivo
Economia

Mutirão do Desenrola Brasil reunirá mais de 700 empresas

Mais de 700 empresas participarão do mutirão de negociação de dívidas do programa Desenrola Brasil, que começa nesta segunda-feira (4). A iniciativa vai permitir que muita gente tenha mais facilidade para pagar seus débitos com bancos, financeiras, lojas varejistas, operadoras de telefonia, concessionárias de água e energia, e outros empreendimentos.

Baixar arquivo
Internacional

Estudo sugere que Brasil diversifique parcerias no setor de defesa

Um estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) sugere que o Brasil reduza o peso dos Estados Unidos no setor de defesa e aumente parcerias com outras potências.

Baixar arquivo
Saúde

Dia D mobiliza o país contra focos do mosquito transmissor da dengue

Hoje (2) é o Dia D de mobilização contra a dengue em todo o país. O mutirão nacional, realizado pelo Ministério da Saúde, reúne as três esferas de governo, e chama toda a população para reforçar as ações de prevenção e eliminação dos focos do mosquito transmissor da doença.

Baixar arquivo