Na Trilha da História: Pesquisador conta bastidores de triângulo amoroso imperial

Na Trilha da História

Publicado em 16/08/2017 - 15:24 Por Apresentação Isabela Azevedo - Brasília

Olá, eu sou a Isabela Azevedo e o tema do Na Trilha da História de hoje é o triângulo amoroso formado pela Imperatriz Leopoldina, pelo imperador Dom Pedro I e pela amante dele, Domitila de Castro, que ganhou o título de Marquesa de Santos. Nosso entrevistado é o pesquisador Paulo Rezzutti, autor das biografias de cada um dos nossos personagens. Ele descreve o primeiro encontro do então príncipe português Pedro de Alcântara e a austríaca Leopoldina, em 1817.

 

Sonora: "Eles se encontraram num navio. O rei dom João VI foi com a família inteira receber a Leopoldina na Baía de Guanabara. E a condessa descreve o Dom Pedro e a Leopoldina olhando um para o pé do outro e levantando o olhar de vez em quando escondido, bem tímidos. E aí, eles encontram alguns pontos de contato que aproximam os dois. Ele é um amor com ela no começo e, depois, começa a degringolar."

 

E a situação começa a degringolar a partir da independência, em 1822. Enquanto Leopoldina trabalhava para ajudar o marido a promover a separação entre Brasil e Portugal, Pedro de Alcântara conhecia a paulista Domitila de Castro.

 

Sonora: "Tem várias cartas da Leopoldina pra ele, quando ele estava em São Paulo, dizendo 'você não me responde mais', mas ele já estava entretido com outras coisas. Ele conheceu a Domitila em São Paulo, em meados de agosto de 1822. Então, antes da Independência, ele já começa a ter um caso com a futura Marquesa de Santos, ela não tinha título até então."

 

No início, dom Pedro e Domitila trocavam cartas de amor bem... apaixonadas.

 

Sonora: "No começo, ele assina como 'Fogo foguinho', 'Demonão', mas é aquela coisa do fogo, da paixão. Depois, ele vai começar a assinar 'O Imperador', 'Seu amo e senhor'".

 

A partir de 1824, o romance entre o imperador e Domitila deixa de ser escondido. No ano seguinte, o escândalo ganha as ruas do Rio de Janeiro.

 

Sonora: "Depois, na Semana Santa de 1825, ela vai tentar assistir a uma missa na capela imperial. Aí, quando ela está entrando no local, as damas do paço se levantam e a deixam sozinha. Aí, ele a nomeia dama de companhia da imperatriz. A partir do momento que ele faz isso, o Rio de Janeiro vem abaixo. Porque passa a oficializar. Imagina: 'eu tê nomeando minha amante pra trabalhar com minha mulher'."

 

E até a dinâmica da família real se adaptou para receber a família de Domitila.

 

Sonora: "Tem uma carta do Barão de Marechal, o ministro da Áustria na época, que ele descreve uma cena que acontece no Rio, em que estava todo mundo numa chácara: dom Pedro, Leopoldina, os filhos da Leopoldina, os filhos do dom Pedro com a marquesa, a Marquesa de Santos, os pais da marquesa, os irmãos dela e os filhos do primeiro casamento da Marquesa de Santos. Ele descreve essa cena e termina assim: 'de tal modo que a bigamia parece ter sido institucionalizada no país'."

 

Esta foi a versão reduzida do Na Trilha da História! O episódio completo traz, além da entrevista na íntegra com o pesquisador Paulo Rezzutti, músicas que tem tudo a ver com o triângulo amoroso formado por Dom Pedro, Imperatriz Leopoldina e Domitila. Para ouvir, acesse: radios.ebc.com.br. Se você tiver uma sugestão de tema para o Na Trilha da História, envie um e-mail para culturaearte@ebc.com.br. Até semana que vem!

 

 

Na Trilha da História: Apresenta temas da história do Brasil e do mundo de forma descontraída, privilegiando a participação de pesquisadores e testemunhas de importantes acontecimentos. Os episódios são marcados por curiosidades raramente ensinadas em sala de aula. É publicado semanalmente. Acesse aqui as edições anteriores.

 

* Este programa é uma reprise de 22.03.2017

Últimas notícias
Saúde

Vacinação contra a gripe será ampliada em todo país a partir de sábado

Toda a população, com pelo menos seis meses de idade, pode procurar um posto de saúde para receber a vacina contra a gripe.

Baixar arquivo
Esportes

Rádio Nacional transmite dois jogos neste fim de semana

Neste sábado (25), a partir das 19h, o Flamengo encara o América-MG em busca da reabilitação e de ficar mais distante do Z4. Neste domingo (26) é a vez do Clássico Vovô. A partir das 16h tem Botafogo e Fluminense.

Baixar arquivo
Saúde

Rio de Janeiro confirma transmissão local da Varíola dos Macacos

Os pacientes são dois homens que não têm histórico de viagem internacional ou contato com estrangeiros. Eles estão sendo monitorados e encontram-se em isolamento domiciliar.

Baixar arquivo
Educação

Provas da 2ª etapa do Revalida ocorrem neste final de semana

O processo permite que candidatos que se formaram no exterior no curso de medicina validem o diploma no Brasil para poderem exercer a profissão por aqui.

Baixar arquivo
Política

Vereador do Rio, Gabriel Monteiro, é denunciado por assédio sexual

Ministério Público do Rio de Janeiro denunciou o vereador carioca Gabriel Monteiro (PL) pelos crimes de importunação e assédio sexual. Segundo o MP, os crimes estão previstos no Código Penal e foram cometidos contra uma ex-assessora, de 26 anos.

Baixar arquivo
Esportes

Rio recebe competição de ciclismo do Tour de France

Depois de passar pelo interior paulista, com disputas na cidade de Cunha, o evento ganha agora sua oitava edição na capital fluminense.

Baixar arquivo