Colégio Militar do RJ retoma aulas presenciais

Publicado em terça-feira, 15 Setembro, 2020 - 16:27 Por Cristiane Ribeiro - Rio de Janeiro

Apesar de as instituições federais de ensino ainda não estarem autorizadas a reabrir, o Colégio Militar do Rio de Janeiro retomou as aulas físicas. Segundaquarta e sexta-feira desta semana a escola recebe apenas alunos do 3º ano do ensino médio. A partir da próxima semana, o retorno será gradual para os estudantes do 1º e 2º ano do ensino médio e, na sequência voltam as séries do ensino fundamental.

Mas os professores civis da unidade, que discordam da decisão, entraram em greve sanitária. Eles argumentam que o Colégio Militar não tem autorização jurídica para reabrir, e que não anunciou os protocolos mínimos de segurança para servidores e estudantes, conforme orientações das comunidades científicas. O corpo docente do Colégio Militar do Rio de Janeiro é composto por professores militares e civis.

Além disso, o Sindicato Nacional dos Servidores da Educação Federal lembra que desde o dia 16 de março os alunos estão tendo aulas e avaliações remotas.

O coordenador da seção sindical no Colégio Militar, Marcelo Assunção, diz que os professores foram avisados do retorno das aulas presenciais por mensagem no whatsapp, e que o comando da escola não respondeu os ofícios enviados questionando a decisão. Para ele, não há condições epidemiológicas e jurídicas.

A seção de comunicação social do Colégio Militar informou que todos os protocolos de higienização e de distanciamento estão sendo seguidos para garantir a segurança dos alunos e professores, e que o retorno das aulas presenciais, que está de acordo com decisão judicial, será mantido.

A unidade do Rio de Janeiro tem 1.717 alunos, e o calendário escalonado prevê a presença de até 400 alunos por dia na escola. O Colégio Militar tem 14 unidades em várias capitais brasileiras. A de Manaus retornou as aulas presenciais há cerca de dois meses. Na semana passada foi a de Belém, e agora a do Rio de Janeiro.

Edição: Ana Pimenta

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Geral

Governo vai expandir possibilidade de sinal de rádio FM

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, assinou nesta quinta-feira (13) uma portaria, junto com o presidente Jair Bolsonaro, para regularizar o serviço de retransmissão de rádio.

Baixar arquivo
Saúde

Rio registra aumento de leitos hospitalares pela 1ª vez em 10 anos

Após a perda de 16 mil leitos hospitalares, apenas entre 2011 e 2019, o Rio de Janeiro viu, em 2020, pela primeira vez, aumento no registro de vagas nas unidades de saúde.

Baixar arquivo
Política

Pesquisa DataSenado faz mapeamento de como a pandemia afetou o ensino

Estudante do oitavo ano do ensino fundamental em Brasília, Arthur Cardoso relata os desafios que tem enfrentado desde que as escolas fecharam, por consequência da pandemia do novo coronavírus.
 

Baixar arquivo
Saúde

Planos de saúde devem cobrir teste rápido de Covid-19

Os planos de saúde são obrigados a cobrir os testes sorológicos para a Covid-19. A medida foi aprovada pela Diretoria da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), por unanimidade, em reunião nesta quinta-feira (13).

Baixar arquivo
Economia

Governo lança aplicativo eSocial Doméstico para empregadores

A partir de agora o eSocial  tem aplicativo para celulares. Com a medida, empregadores poderão realizar registro do empregado e gerenciamento da folha de pagamento pelo celular.

Baixar arquivo
Política

Saúde diz que usou 48% dos recursos destinados ao combate à pandemia

O Ministério da Saúde gastou 48% dos recursos destinados exclusivamente para o combate à pandemia da Covid-19, informou o ministro interino da pasta, Eduardo Pazuello, durante audiência pública realizada nesta quinta-feira (13) no Congresso Nacional.

Baixar arquivo