Ministério da Agricultura reforça fiscalização em dois laticínios do Rio Grande do Sul

Publicado em 09/05/2014 - 10:53 Por Pollyane Marques - Brasília

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento colocou as empresas de laticínios do Rio Grande do Sul - Pavlat e Hollmann - sob Regime Especial de Fiscalização (REF). A sanção administrativa foi aplicada em função das suspeitas de que as indústrias vendiam leite adulterado ou fora dos padrões sanitários. Segundo o Ministério Público do Rio Grande do Sul, cerca de 1 milhão de litros do produto foram comercializados desde janeiro de 2013, quando começaram as investigações que servem de base para a Operação Leite Compensado, deflagrada em maio do ano passado e cuja quinta fase foi feita nesta quinta-feira (8), com a prisão dos donos da Pavlat e da Hollmann, além de um executivo da última empresa.

Leia mais na Agência Brasil

Últimas notícias
Saúde

Ministério da Saúde lança programa Incentivo de Atividade Física

No Brasil, 15% do total de internações pelo SUS é atribuído à falta de exercícios físicos, conforme estimativa do Ministério da Saúde.

Baixar arquivo
Política

Paulo Dantas é eleito para governar Alagoas em mandato-tampão

Em votação indireta, a Assembleia Legislativa de Alagoas elegeu neste domingo, o deputado Paulo Dantas do MSB para governar Alagoas em um mandato-tampão.

Baixar arquivo
Meio Ambiente

Frente Fria chega ao Brasil neste domingo

O frio deve provocar geadas fortes, moderadas ou fracas nos três estados do Sul, além de Minas Gerais e São Paulo.

Baixar arquivo
Economia

Trabalhadores nascidos em maio já podem sacar até mil reais do FGTS

O valor depende do total acumulado nas contas. A Caixa fará o depósito na poupança digital, usada para o pagamento de benefícios sociais e previdenciários.

Baixar arquivo
Economia

Previdência privada atende apenas 3% dos aposentados brasileiros

A previdência privada atende apenas 3% dos aposentados brasileiros. Já os recursos do INSS são a fonte de renda de 92% dos aposentados.

Baixar arquivo