Polícia Federal desmonta quadrilha que fabricava drogas sintéticas

Publicado em 27/08/2015 - 17:40 Por Sayonara Moreno - Brasília

A Polícia Federal apreendeu, em apenas um dos laboratórios investigados na Operação Quinto Elemento, uma quantidade de droga superior ao total apreendido durante todo o ano de 2015.

 


Quatrocentos policiais cumpriram 145 mandados judiciais em Goiás, São Paulo, Paraná, Tocantins, Bahia, Minas Gerais e Distrito Federal, nesta quinta-feira.

 

 

Ao todo são 30 mandados de prisão temporária, oito de prisão preventiva e 40 de condução coercitiva: quando a pessoa é levada para prestar esclarecimento.

 

 

Além disso, 55 mandados de busca e apreensão foram cumpridos, e 12 imóveis foram confiscados, incluindo um prédio residencial de 20 apartamentos.

 


Segundo a PF, a organização criminosa utilizava empresas regularizadas, como farmácias, laboratórios e também vendedores, para conseguir produtos químicos usados na fabricação das drogas sintéticas, como as anfetaminas e a cocaína.

 

 

Os investigadores disseram que a quantidade de produtos chamou a atenção para o esquema econômico organizado para o tráfico, que utilizava até veículos de luxo pra comercializar as mercadorias.

 


Durante as investigações, a Polícia Federal desmontou oito laboratórios com capacidade de produção de drogas: em apenas um deles, foram apreendidos cerca de 630 mil comprimidos de  ecstasy do Paraguai, também usado como rebite.

 

Em outro laboratório, a polícia flagrou a produção de 800 mil comprimidos, também de ecstasy. Esse tipo de droga, além de outros efeitos, leva o usuário a um quadro de insônia e depressão.

 


As investigações também apontam que, em apenas oito meses, um dos laboratórios gerenciados pela organização movimentou cerca de  R$ 240 milhões.

 


Todos os envolvidos devem responder por tráfico de drogas, associação para o tráfico, falsidade ideológica e tráfico de produtos químicos para a produção de drogas.

Últimas notícias
Justiça

MPF abre novo procedimento após morte de cidadão em abordagem da PRF

Imagens veiculadas na internet mostram a vítima presa dentro de uma viatura esfumaçada. O IML de Sergipe identificou de forma preliminar que a vítima teve como causa da morte insuficiência aguda secundária a asfixia.

Baixar arquivo
Geral

Chuvas em AL: Governo reconhece situação de emergência em 9 municípios

O governo federal reconheceu a situação de emergência em nove municípios de Alagoas por causa das fortes chuvas que atingem o estado. Outras duas cidades estão com processo de reconhecimento federal em andamento. 

Baixar arquivo
Justiça

Chacina de Unaí: ex-prefeito é condenado a 64 anos de prisão

O Tribunal do Júri Federal condenou nesta sexta-feira o produtor rural e ex-prefeito Antério Mânica no caso do assassinato de três auditores fiscais e do motorista, em 2004, em Unaí (MG).

Baixar arquivo
Saúde

RJ: Casos de dengue aumentam 177% nos cinco primeiros meses deste ano

A capital fluminense concentra a maioria dos registros da doença, mas as regiões Noroeste e Norte apresentam alta transmissão, de acordo a Secretaria de Estado de Saúde.

Baixar arquivo
Economia

Ministério de Minas e Energia diz que estoque de diesel dura 38 dias

Se a importação desse combustível fosse suspensa, seria possível atender à demanda durante 38 dias, com esses estoques e a produção nacional.

Baixar arquivo
Economia

Eletrobras lança oferta de ações em mais um passo para privatização

A Eletrobras apresentou os documentos necessários para realizar a operação, com a qual a estatal espera movimentar mais de R$ 30 bilhões.

Baixar arquivo