Dilma libera uso da pílula do câncer

Publicado em 14/04/2016 - 08:27 Por Jéssica Gonçalves, ao vivo - Brasília

A presidenta Dilma Rousseff sancionou hoje (14) a lei que autoriza o uso da fosfoetanolamina sintética, conhecida como pílula do câncer.


A decisão foi publicada no Diário Oficial da União. Poderão fazer uso da substância pacientes diagnosticados com neoplasia malígna, desde que apresentem laudo médico com o diagnóstico e que o paciente ou seu representante assine um termo de responsabilidade.


De acordo com a lei, a opção pelo uso voluntário da fosfoetanolamina sintética não exclui o direito de acesso a outras modalidades terapêuticas.


O uso da pílula do câncer ficou definido como de relevância pública. Ainda segundo a decisão, ficam permitidas a produção, manufatura, importação, distribuição, prescrição, dispensação da pílula do câncer independentemente de registro sanitário, enquanto estiverem em curso estudos clínicos da substância.


Só os agentes regularmente autorizados e licenciados pela autoridade sanitária competente poderão produzir, importar e distribuir a pílula.

Últimas notícias
Política

70 anos: promulgada emenda que amplia idade de nomeação de magistrados

O Congresso Nacional promulgou nessa terça-feira a Emenda à Constituição que aumenta de 65 para 70 anos, a idade máxima para nomeação em tribunais superiores.

Baixar arquivo
Economia

Câmara decide manter isenção para indústria química e petroquímica

O fim da isenção estava previsto para ocorrer de forma gradual até 2025. Porém, no final do ano passado o governo editou uma Medida Provisória acabando com a isenção já neste ano. Com isso, o governo esperava aumentar a arrecadação em mais de  R$ 1,5 bilhão em três anos.

Baixar arquivo
Geral

Podcast Entrevista é Nacional: recompensa para os bons motoristas

A proposta da criação do Cadastro Positivo pretende incentivar o bom comportamento ao volante e deve ser implementada em breve, ouça os detalhes no podcast Entrevista é Nacional.

Baixar arquivo
Geral

Três sistemas do Ministério da Saúde sofrem tentativa de ataque hacker

A pasta informou que o DataSUS identificou a tentativa de ataque hacker e para resguardar as informações optou pela interrupção temporária das plataformas para manutenção. Foram atingidos o ConecteSUS, o e-SUS e o Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações.

Baixar arquivo
Política

Eleições vão contar com mais de 100 observadores internacionais

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral, a presença desses observadores tem como objetivo garantir que o processo eleitoral decorra em clima de transparência, isenção e legalidade.

 

Baixar arquivo
Política

SP: ex-deputado Arthur do Val tem mandato cassado pela Assembleia

Também conhecido como Mamãe Falei do MBL, ele foi julgado por quebra de decoro parlamentar depois ter áudios com comentários machistas vazados durante o período em que esteve na Ucrânia.

Baixar arquivo