Para ajudar na superação da perda, funciona na Bahia o Ambulatório do Luto

Apoio psicológico

Publicado em 01/11/2019 - 18:26 Por Lucas Faria - Brasília

Recuperar-se da perda de um familiar ou de um amigo próximo não é tarefa fácil. A dor e a saudade se misturam, e dificultam a superação do luto.


Para combater a demora no processo de “cicatrização” do espaço deixado pelo ente querido, o Hospital Universitário da Universidade Federal da Bahia oferece ajuda psicológica a familiares que vivenciaram uma perda.


Monica Venâncio, psicóloga responsável pelo projeto, relata como o apoio é feito.


“Primeiro a gente faz um acolhimento em uma triagem, para saber se de fato é uma pessoa que precisa do suporte nesse momento. E a gente faz a continuidade do acompanhamento. Mas a gente precisa entender que o luto requer tempo. A gente não tem como comparar pessoas diferentes que estão vivenciando o período do luto. A gente tem que pensar que cada caso é um caso. E o luto não é uma doença, é um processo psíquico”.


Com a chegada da data de Finados, é comum que as pessoas fiquem mais saudosas e sensíveis, afirma Monica Venâncio.


“Essas datas, não só no dia de Finados, mas no aniversário da pessoa falecida, no aniversário de morte, são datas que de alguma forma atualizam essa vivência da perda para os familiares. Então a gente percebe, de fato, uma alteração emocional”.


Para participar do acompanhamento, o interessado deve ser encaminhado pelo próprio Hospital Universitário ou se apresentar ao serviço de Psicologia do Hospital.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Saúde

STJ decide que plano de saúde deve custear remédio de canabidiol

O Superior Tribunal de Justiça determinou que uma operadora de plano de saúde forneça medicamentos à base de canabidiol a um paciente diagnosticado com epilepsia grave. O canabidiol é extraído da Cannabis sativa, planta conhecida como maconha.

Baixar arquivo
Política

PEC dos Precatórios deve ser votada nesta quarta na Câmara

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, marcou para esta quarta-feira a votação da PEC dos Precatórios. Prevista na pauta dessa terça-feira, Lira justificou que o adiamento foi necessário porque faltava conversar com alguns líderes sobre o texto.

Baixar arquivo
Geral

Santa Catarina passa a adotar número de RG igual ao do CPF em novembro

. Quem já tiver o RG, o número continua valendo, mas quem for emitir a primeira via já não vai contar com um número separado do RG.

Baixar arquivo
Saúde

Alerj aprova liberação do uso de máscaras ao ar livre no estado do Rio

O projeto aprovado pela Alerj ainda precisa seguir para sanção ou veto  do governador Cláudio Castro, que tem um prazo de 15 dias para publicar a decisão.

Baixar arquivo
Geral

Roubo de cabos de energia dificultou trajetos do metrô em São Paulo

Segundo o Metrô, foram roubados 30 metros de cabos do sistema que alimenta a energia dos trens. A confusão começou por volta das 5h e também comprometeu a operação na Linha Azul.

Baixar arquivo
Saúde

INCA alerta para perigos do consumo coletivo de narguilés na pandemia

Para além dos riscos da transmissão de doenças como a covid, caso a mangueira seja compartilhada, uma sessão de narguilé, que costuma durar entre 1hora a 90 minutos, equivale ao consumo de 100 cigarros comuns. 

Baixar arquivo