Jair Bolsonaro autoriza uso das Forças Armadas no Ceará

Greve de PMs

Publicado em 20/02/2020 - 22:25 Por Victor Ribeiro - Brasília

O presidente Jair Bolsonaro autorizou, nessa quinta-feira, o envio de militares do Exército para uma operação de GLO, Garantia da Lei e da Ordem, no Ceará. Os militares darão apoio aos órgãos de segurança pública no estado até a próxima sexta-feira, dia 28.


Na transmissão ao vivo que faz às quintas-feiras nas redes sociais, Bolsonaro anunciou a medida e apelou para que o Congresso Nacional aprove um projeto sobre excludente de ilicitude durante operações de GLO. Isso pode livrar militares de responderem por possíveis excessos no exercício da função, inclusive por mortes.


“Acabando o carnaval – porque a GLO é até o dia 28 apenas, é bem curtinha – vou procurar o Davi Alcolumbre, o Rodrigo Maia, vou fazer um pedido para eles, porque eu tenho um projeto lá dentro [do Congresso Nacional] dizendo que em GLO os militares têm que ter excludente de ilicitude. Ou seja, acabou a missão ele vai para casa, não está preocupado em receber visita de um oficial de Justiça e depois responder uma auditoria militar e pegar até 30 anos de cadeia. É uma irresponsabilidade até 30 anos de cadeia para esse garoto que tem uma namorada, um time de futebol, uma vida social, que é um inocente. E por estar com fuzil ele é atacado, reage, vai que morre inocente, porque pode morrer inocente, e de quem fica a responsabilidade? Bancada do Ceará, vocês têm que colaborar nessa situação”.


O decreto que autoriza o envio de militares ao Ceará foi publicado nessa quinta-feira, em uma edição extra do Diário Oficial da União. A medida atende a um pedido do governador Camilo Santana. Também nessa quinta, agentes da Força Nacional de Segurança Pública chegaram ao estado.


Desde essa terça-feira, o Ceará enfrenta uma escalada de violência devido à greve dos policiais militares. Os atos de violência são atribuídos aos próprios PMs. Na cidade do Crato, no sul cearense, um policial foi preso por atear fogo no carro de uma pessoa que criticou o movimento grevista nas redes sociais. Carros da corporação foram usados para intimidar comerciantes e forçar o fechamento de lojas. E, nessa quarta-feira, o senador Cid Gomes, do PDT, foi baleado enquanto usava uma retroescavadeira para tentar entrar em um batalhão da PM.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Política

Projeto que autoriza privatização dos Correios é aprovado na Câmara

O parecer do relator, deputado Gil Cutrim, do Republicanos, prevê  que  após o leilão, a estatal será transformada em uma empresa de economia mista, que passará a ser chamada de Correios do Brasil. E a  Anatel passa a regulamentar os serviços postais.

Baixar arquivo
Política

Lei de combate à violência política contra a mulher é sancionada

Uso indevido pelos partidos de nomes de mulheres apenas para o preenchimento da cota de 30% e o desvio dos recursos destinados ao financiamento das campanhas femininas estão entre os principais casos de violência política contra a mulher no Brasil.

Baixar arquivo
Segurança

Operação Shark desarticula grupo que aplicava golpes em empréstimos

Uma ação conjunta das polícias civis do Distrito Federal e do Rio de Janeiro desarticulou nesta quinta-feira um grupo especializado em aplicar golpes de empréstimos de dinheiro. Além do Rio e do DF, os criminosos atuavam nos estados de São Paulo e Pernambuco.

Baixar arquivo
Saúde

41 pessoas recebem medalhas do Mérito Médico e Mérito Oswaldo Cruz

As medalhas de ouro foram entregues a 15 ministros do governo, além dos presidentes da Câmara, Arthur Lira e do Senado, Rodrigo Pacheco

Baixar arquivo
Economia

Dia dos Pais: 32% dos brasileiros devem dar presentes aponta pesquisa

Domingo é Dia dos Pais. E pesquisa da Associação Comercial de São Paulo aponta que apenas 32% dos brasileiros planejam comprar um presente para celebrar a data. A pesquisa nacional mostra ainda que 19% dos consumidores ouvidos ainda estão indecisos.

Baixar arquivo