Executivo e judiciário adotam medidas restritivas para evitar propagação do covid-19

Brasília

Publicado em 18/03/2020 - 08:04 Por Victor Ribeiro - Brasília

Órgãos dos Poderes Executivo e Judiciário anunciaram regras para restringir a circulação do público e da imprensa, e, ao mesmo tempo, tentar manter o trabalho.

 

No governo federal, o porta-voz da Presidência da República, Otávio Rêgo Barros, e os ministérios da Saúde e da Economia já informaram que, a partir de agora, as entrevistas coletivas serão transmitidas pela internet. Os jornalistas terão que enviar as perguntas à distância.

 

Servidores federais idosos ou que possuam algum problema no sistema imunológico foram dispensados ou vão trabalhar de casa. Quem apresentar sintomas de covid-19, como febre, falta de ar e tosse, também será dispensado.

 

O Supremo Tribunal Federal determinou isolamento doméstico para todos que apresentem febre ou sintomas respiratórios, por serem considerados casos suspeitos, dos estagiários aos ministros da Corte. Os atestados serão homologados administrativamente e as perícias médicas podem ser dispensadas. Quem tem mais de 60 anos ou doenças crônicas pode optar por trabalhar de casa.

 

Reuniões e audiências no Supremo devem ser feitas por videoconferência. Está proibido o acesso do público externo ao restaurante, à biblioteca da Corte e às sessões de julgamento. Tanto nas Turmas quanto no Plenário do Supremo, só poderão entrar os ministros, os auxiliares deles e os advogados das partes. A Corte vai ampliar os julgamentos no Plenário Virtual.

 

No Superior Tribunal de Justiça, os atendimentos presenciais estão suspensos e o público externo não pode entrar no STJ, pelo menos até o dia 17 de abril. O atendimento ao público geral será pelo telefone (61) 3319-8000. Já para os advogados, o STJ disponibilizou o número (61) 3319-8410.

 

O Superior Tribunal de Justiça suspendeu a exigência de impressão digital no registro do ponto eletrônico. E obrigou a trabalhar de casa os servidores do STJ maiores de 60 anos, que tenham filhos menores de um ano, gestantes e pessoas com doenças respiratórias crônicas. O trabalho remoto também está autorizado para os demais funcionários.

Últimas notícias
Justiça

Alagoas: Ministério Público realiza operação contra fraude tributária

Uma operação investiga empresas de fachada que emitiram R$ 76 milhões em notas fiscais falsas. Ao todo cinco empresas estão sendo investigadas por fraude fiscal em São Paulo e Alagoas.

Baixar arquivo
Esportes

Libertadores: Atlhetico-PR enfrenta o Estudiantes nesta quinta-feira

Se quiser manter viva a chance de conquistar a Libertadores pela primeira vez e levantar novamente o caneco da Copa do Brasil, o Furacão vai ter que passar por adversários difíceis.

Baixar arquivo
Educação

Superdotação: desafio é identificar pessoas com altas habilidades

O dia 10 de agosto é o dia Mundial da Superdotação. No Brasil, mais de 24 mil crianças foram identificadas como superdotadas. Mas esse número pode ser muito maior.

Baixar arquivo
Cultura

Grande Prêmio do Cinema Brasileiro ocorre nesta quarta-feira

A 21ª edição também marca o retorno da festa presencial, já que em 2020 e no ano passado foi realizada virtualmente por causa da pandemia de covid-19.

Baixar arquivo
Esportes

Começa a etapa regional, de Brasília, das Paralimpíadas Escolares 2022

Etapa nacional das Paralimpíadas Escolares começa dia 23 de novembro, em São Paulo. Os estudantes podem participar de 24 modalidades como basquete em cadeiras de rodas, parabadminton e Golbol.

Baixar arquivo
Meio Ambiente

Santa Catarina: ciclone extratropical deixa estragos em várias cidades

O fenômeno causou rajadas de vento de cerca de 90 quilômetros por hora. Algumas cidades, como a capital Florianópolis, registraram precipitação de quase 200 milímetros nas últimas 24 horas.

Baixar arquivo