Feriados antecipados conseguem aumentar isolamento social em SP, mas taxa ainda está abaixo do ideal

São Paulo

Publicado em 21/05/2020 - 21:26 Por Eliane Gonçalves - São Paulo

O índice de isolamento social aumentou em São Paulo com feriados antecipados, mas a taxa ainda está abaixo do ideal.

 

Na quarta-feira (20), o índice de isolamento no estado passou de 48% para 49%, e na capital paulista subiu de 49% para 51%.

 

Apesar de ter aumentado, o mínimo ideal segundo as autoridades de saúde do estado seria 55%. A taxa ideal seria 70%.

 

Mas o governador de São Paulo, João Dória, se recusou a antecipar uma avaliação sobre a necessidade de endurecer as regras da quarentena.

 

O que mudou foi o tom que o governador adotou em relação ao governo federal. Dória falou em clima de paz e harmonia depois da reunião com os governadores em que o presidente Jair Bolsonaro prometeu sancionar o projeto de auxílio financeiro aos estados e municípios.

 

Também sobraram elogios ao Ministério da Saúde pela homologação de cerca de 1.600 leitos de terapia intensiva e a promessa de envio de 600 respiradores para o estado.

 

Mas o governador evitou comentar as discordâncias do presidente e dos governadores em relação ao isolamento social.

 

Entre as medidas para aumentar o isolamento, está a antecipação dos feriados.

Últimas notícias
Geral

MST faz balanço de ocupações durante Jornada de Lutas

Como parte da Jornada Nacional de Lutas, o MST, Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra, realizou 24 ocupações em 11 estados brasileiros, nesta segunda-feira, mobilizando mais de 20 mil famílias sem terra.

Baixar arquivo
Economia

Aumenta o número de bares e restaurantes com prejuízos

As dívidas acumuladas fizeram 31% das empresas do Brasil funcionarem no vermelho em fevereiro.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Programa de Reforma Agrária deve incluir 300 mil famílias até 2026

Dez tipos de propriedades serão disponibilizados para os assentamentos, entre elas, imóveis rurais considerados improdutivos, pelo Incra, áreas rurais em posse de bancos e empresas públicas, terras estaduais usadas para abater dívidas com a União e áreas confiscadas por exploração de trabalho semelhante à escravidão.

Baixar arquivo
Economia

Governadores discutem renegociação de dívidas dos estados

Governadores de cinco estados se reuniram nesta segunda-feira (15) com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, para discutir o refinanciamento das dívidas estaduais.

Baixar arquivo
Economia

LDO para 2025 prevê déficit zero e salário mínimo de R$ 1.502

A previsão está na Lei de Diretrizes Orçamentárias que o Ministério do Planejamento e Orçamento entregou ao Congresso Nacional.

Baixar arquivo
Geral

Governo pede que CNJ estabeça critérios para saidinha de presos

O pedido foi encaminhado após a sanção, com vetos, da lei que reformou o instituto da saída temporária de presos em regime semiaberto, assinada na semana passada pelo presidente Lula.

Baixar arquivo