Projeto de lei prevê visita virtual de familiares a pacientes com Covid-19

Isolados pela Covid-19

Publicado em 06/07/2020 - 07:00 Por Renata Martins - Brasília

O risco de contaminação pelo coronavírus mudou a rotina dos hospitais e impactou na relação entre o doente e a família.

 

As visitas a pacientes com Covid-19 não são permitidas. Há casos de pais, filhos, casais, que após a entrada de um ente querido no hospital, não voltam a encontrá-lo

 

Lúcida e consciente, Dona Maria Albani, de 93 anos, deu entrada em um hospital particular de Recife. Não sairia mais de lá com vida. A filha, a jornalista Silvana Barros, passou três dias sem nenhuma noticia da mãe – que a esta hora, estava entubada.

 

Depois de estabelecer contato com os médicos da UTI, foi avisada da gravidade e possibilidade iminente da morte da mãe.

 

A partir daí passou a travar outra luta: a de ver e se despedir. O pedido foi negado, Silvana ameçou procurar a Justiça, fez relato nas redes sociais e reclamação na ouvidoria do hospital, para enfim ter seu pedido atendido.

 

Ainda em luto, a jornalista criou uma campanha para que todos os parentes tenham direito a visita e a despedida virtual. Silvana afirma que não custa nada ao governo, nem aos hospitais, é necessário ter apenas humanidade.

 

Silvana Barros criou um abaixo-assinado para pedir a aprovação do projeto de lei que garante a todos o direito à visita virtual — através de videochamada — de familiares aos pacientes com Covid-19 ou outras doenças infectocontagiosas.

 

O PL 2136/2020, de autoria do deputado federal Célio Studart (PV/CE), tramita na Câmara dos Deputados. A iniciativa foi sugerida pela própria jornalista ao parlamentar.

 

Alguns estados, como Pernambuco e Ceará, já adotam o sistema de videoconferência entre pacientes internados com o novo coronavírus e seus familiares nos hospitais públicos.

 

Silvana ressalta que a humanização no trato com paciente e família já tem iniciativas em vários lugares do país.

 

O abaixo-assinado online está hospedado na plataforma Change.org, e já reúne quase 120 mil assinaturas em todo o Brasil.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Política

Projeto que autoriza privatização dos Correios é aprovado na Câmara

O parecer do relator, deputado Gil Cutrim, do Republicanos, prevê  que  após o leilão, a estatal será transformada em uma empresa de economia mista, que passará a ser chamada de Correios do Brasil. E a  Anatel passa a regulamentar os serviços postais.

Baixar arquivo
Política

Lei de combate à violência política contra a mulher é sancionada

Uso indevido pelos partidos de nomes de mulheres apenas para o preenchimento da cota de 30% e o desvio dos recursos destinados ao financiamento das campanhas femininas estão entre os principais casos de violência política contra a mulher no Brasil.

Baixar arquivo
Segurança

Operação Shark desarticula grupo que aplicava golpes em empréstimos

Uma ação conjunta das polícias civis do Distrito Federal e do Rio de Janeiro desarticulou nesta quinta-feira um grupo especializado em aplicar golpes de empréstimos de dinheiro. Além do Rio e do DF, os criminosos atuavam nos estados de São Paulo e Pernambuco.

Baixar arquivo
Saúde

41 pessoas recebem medalhas do Mérito Médico e Mérito Oswaldo Cruz

As medalhas de ouro foram entregues a 15 ministros do governo, além dos presidentes da Câmara, Arthur Lira e do Senado, Rodrigo Pacheco

Baixar arquivo
Economia

Dia dos Pais: 32% dos brasileiros devem dar presentes aponta pesquisa

Domingo é Dia dos Pais. E pesquisa da Associação Comercial de São Paulo aponta que apenas 32% dos brasileiros planejam comprar um presente para celebrar a data. A pesquisa nacional mostra ainda que 19% dos consumidores ouvidos ainda estão indecisos.

Baixar arquivo