PF investiga suspeitos de crimes e fraudes contra a Previdência Social

Publicado em 07/07/2022 - 13:16 Por Solimar Luz - Repórter da Rádio Nacional - Rio de Janeiro

A Polícia Federal realiza nesta quinta-feira (7) a segunda fase da Operação Desquite, que tem como alvo suspeitos de crimes e fraudes contra a Previdência Social. Os agentes cumprem nove mandados de busca e apreensão e dois de prisão preventiva, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. A suspeita é que eles tenham desviado cerca de um milhão e 600 mil reais dos cofres públicos. Até o momento, duas pessoas já foram presas.

De acordo coma PF, investigações iniciadas no ano passado constataram a existência de um esquema criminoso, que realizava divórcios fraudulentos com o objetivo de requerer do INSS, de forma ilegal benefícios assistenciais de prestação continuada ao idoso e à pessoas com necessidades especiais.

Os envolvidos, em sua maioria advogados e despachantes, atuavam em um escritório de advocacia de fachada, onde realizavam os atendimentos, onde os contratos de prestação de serviços eram assinados e, mediante cobranças, realizavam-se os serviços irregulares.

Segundo a Polícia Federal, os investigados responderão pelos crimes de estelionato previdenciário, associação criminosa, falsidade ideológica e exercício ilegal da advocacia.  As penas, se somadas, ultrapassam a 12 anos de reclusão.

O nome “Desquite" se deve à prática dos criminosos, que se valiam de falsas declarações de separação de fato e divórcio, de pessoas que eram na realidade casadas ou viviam em união estável, para obter ilicitamente o benefício assistencial.

Últimas notícias
Economia

Infraestrutura MG vence leilão de concessão de 627 Km em Minas Gerais

O grupo venceu a disputa oferecendo um desconto de 0,1% sobre o valor de pedágio nas estradas concedidas. Os trechos leiloados estão localizados na região do Triângulo Mineiro.

Baixar arquivo
Segurança

"Dia D" de combate à violência contra mulher cumpre 38 mandados no RJ

Ação marca os 16 anos da Lei Maria da Penha e teve o objetivo de combater crime de perseguição e violência psicológica, além de reforçar a importância das mulheres estarem alertas a outros tipos de crimes, que antecedem o feminicídio.

Baixar arquivo
Meio Ambiente

Anvisa restringe uso do agrotóxico carbendazin aos estoques existentes

A decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária concluiu a reavaliação desse ingrediente utilizado no tratamento de sementes de arroz, feijão, milho e também em folhas de algumas lavoura.

Baixar arquivo
Política

Presidente se reúne com representantes de bancos na sede da Febraban

Os ministros Paulo Guedes, da Economia, e Ciro Nogueira, da Casa Civil também participaram do almoço nesta segunda-feira (08), em São Paulo. 

Baixar arquivo
Geral

Após pandemia, Rio cria o Dia do Reencontro com ponto facultativo

A transformação do dia 02 de setembro em data especial considera que a flexibilização possibilitou a retomada das atividades na cidade, inclusive com a realização de grandes eventos.

Baixar arquivo
Saúde

Covid-19: Rio de Janeiro registra baixa procura por doses de reforço

Após a liberação da segunda dose de reforço contra a covid-19 para toda a população adulta da cidade do Rio, menos de um terço deste público compareceu aos postos de saúde para receber a imunização.

Baixar arquivo