PF desarticula traficantes de drogas na fronteira Brasil Paraguai

Operação Boa Vista tira dinheiro do tráfico para dificultar crimes

Publicado em 15/10/2020 - 15:32 Por Dayana Vítor - Brasília

Operação Boa Vista da Polícia Federal desarticula quadrilha de tráfico de drogas que atuava na fronteira do Brasil com o Paraguai.

Mais uma ação da Polícia Federal para tirar o dinheiro do tráfico de drogas e assim dificultar a atuação dos criminosos ocorreu nesta quinta-feira (15): foi a Operação Boa Vista. Os principais alvos eram integrantes de uma organização criminosa que atua na fronteira do Brasil com o Paraguai, mais especificamente na cidade de Guaíra, no oeste do Paraná.

Para tirar o poder desse grupo de traficantes, a Justiça Federal de Guaíra determinou o bloqueio de R$10 milhões em bens, contas bancárias e outros ativos financeiros dos investigados. Um dos imóveis confiscados é uma mansão luxuosa que vale mais de R$1,5 milhão e pertenceria a um dos líderes da quadrilha. Para se ter ideia do glamour, essa casa possui closets, banheiras de hidromassagem e até pias banhadas a ouro.

Cerca de 60 policiais federais cumpriram 20 mandados judiciais, sendo oito de prisão preventiva e 12 de busca e apreensão. Apenas um mandado de prisão foi cumprido na cidade de Bauru, em São Paulo. Todos os outros foram executados no município paranaense de Guaíra. Foram aprendidos 25 veículos, três casas, R$22 mil, duas armas de fogo, seis barcos, um jet sky, três eletrônicos. Ainda houve duas prisões em flagrante por posse ilegal de arma de fogo.

Esta não foi primeira vez que os investigados foram alvo da Polícia Federal. Em setembro, foram apreendidos 20 fuzis importados. Já em julho, mais de cem quilos de pasta base de cocaína/crack. Só nos últimos quatros meses, o grupo perdeu mais de R$4 milhões em produtos ilícitos.

As ações da quadrilha começaram a ser apuradas em julho, após a Polícia descobrir que um imóvel rural, no Lago de Itaipu, era usado para estocar itens ilegais que vinham do Paraguai. Além das drogas, o grupo também trazia para o Brasil produtos eletrônicos, agrotóxicos e até equipamentos médicos.

Edição: Joana Lima

Últimas notícias
Saúde

OMS abre consulta para mudar nome da varíola dos macacos

A nomeação das espécies de vírus é de responsabilidades do Comitê Internacional de Taxonomia de vírus

Baixar arquivo
Saúde

Diabetes gestacional pode trazer mais riscos na hora do parto

O problema ocorre devido a mudanças hormonais que a mulher sofre durante a gestação

Baixar arquivo
Justiça

Termina quinta-feira o prazo para requerer voto em transito

Podem requerer o benefício os eleitores que não poderão estar no domicílio eleitoral no dia da votação, que será em 2 de outubro, para o primeiro turno; e 30 de outubro, onde houver segundo turno.

Baixar arquivo
Política

Eleições 2022: enquetes e sondagens estão proibidas

O tribunal define enquete ou sondagem como levantamento de opiniões sem a utilização de um método científico

Baixar arquivo
Educação

Prouni 2022: prazo para documentação vai até 24 de agosto

A apresentação da documentação pode ser feita presencialmente ou virtualmente a depender da instituição de ensino

Baixar arquivo
Pesquisa e Inovação

Exoesqueleto robótico auxilia a recuperação do movimento das pernas

A ideia do ExoTAO é o de ser uma órtese inteligente, um exoesqueleto robótico que ajude pessoas que perderam o movimento das pernas a recuperarem a capacidade de locomoção.

Baixar arquivo