Abrasel entra na Justiça contra medidas de restrição em São Paulo

Mandado de segurança foi apresentado contra o governador João Doria

Publicado em 14/12/2020 - 20:29 Por Eliane Gonçalves - São Paulo

Bares e restaurantes entraram na justiça contra as medidas de restrição em vigor desde o último sábado (12), em São Paulo. A Associação Brasileira de Bares e Restaurantes, a Abrasel, entrou nessa segunda-feira (14) com um mandado de segurança coletivo contra o governador de São Paulo, João Doria.

O grupo questiona as medidas que entraram em vigor no último sábado que determina o fechamento de bares a partir das 20h e de restaurantes a partir das 22h, mas com limitação de venda de bebidas alcoólicas também a partir das 20h. A regra também vale para lojas de conveniência em postos de combustível.

Na ação protocolada nessa segunda-feira no Tribunal de Justiça de São Paulo, eles apelam para o artigo 5º da Constituição Federal, que diz que todos são iguais perante a lei, e argumentam que o setor é o quem mais vem sofrendo com as medidas de restrição.

Em nota, a Abrasel argumenta que a decisão está baseada em uma falsa causa para o agravamento da pandemia no estado e lembra de outros locais também vem registrando aglomerações de pessoas como ruas de comércio popular, praias, transporte público, além do último período de campanha eleitoral.

As medidas que voltaram a restringir a circulação  das pessoas começaram a ser anunciadas um dia depois do segundo turno das eleições municipais.

Em nota, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico do estado argumentou que a decisão foi tomada com base nas recomendações do Centro de Contingência do Coronavírus e voltou a explicar que as restrições continuam valendo, inclusive, a decisão de atender apenas clientes sentados e no máximo seis pessoas por mesa.

Segundo balanço da Abrasel, em 2020, cerca de um terço dos bares e restaurantes do estado fecharam as portas definitivamente. O número corresponde a cerca de 12 mil empresas.

E desde o começo da pandemia, mais de 44 mil pessoas morreram em função da covid-19 apenas no estado de São Paulo. Nessa segunda-feira, a taxa de ocupação de leitos de Terapia Intensiva estava em praticamente 60% no estado e 65,5% na grande São Paulo.

Edição: Joana Lima

Últimas notícias
Justiça

Justiça nega pedido de habeas corpus do ex-vereador Dr. Jairinho

A defesa pediu que sua prisão fosse substituída por monitoramento eletrônico. O ex-vereador está preso desde abril do ano passado, acusado da morte do menino Henry Borel, de 4 anos.

Baixar arquivo
Economia

Rio de Janeiro terá primeira planta de geração de hidrogênio verde

O estado do Rio de Janeiro terá a primeira planta para geração de hidrogênio verde no país.

Baixar arquivo
Geral

Frente fria vai trazer fortes chuvas no norte da região Nordeste

O alerta laranja para perigo no acumulado de chuva é do Instituto Nacional de Meteorologia e vale até domingo (22). As chuvas fortes, também devem atingir o norte do Pará, do Amazonas e Roraima, e todo o Amapá.

Baixar arquivo
Saúde

Portugal tem aumento de 33% no número de mortes por covid-19

País tem crescimento de casos de contágio e de mortes por Covid-19 nos últimos sete dias. Para os especialistas, o motivo é o avanço da linhagem BA.5 somado ao fim da obrigatoriedade do uso da máscara.

 

Baixar arquivo
Saúde

Turmas da UFMG suspendem aulas presenciais após casos de covid

O protocolo da universidade orienta a suspensão das atividades presenciais quando são notificados pelo menos três casos de coronavírus em uma mesma turma, no intervalo de uma semana.

Baixar arquivo
Justiça

Flordelis: Justiça nega solicitação para transferir julgamento

Flordelis está com o julgamento marcado no Júri Popular para o próximo dia 06 de junho. A ex-deputada é acusada de ter participado do assassinato de seu marido, o pastor Anderson do Carmo, em junho de 2019.

Baixar arquivo