Aumento de chuvas reduzem áreas de seca no país, mas alguns estados ainda sofrem com a falta de água

ANA

Publicado em 03/03/2020 - 21:27 Por Gésio Passos - Brasília

As chuvas fortes em janeiro reduziram a seca nos estados de Minas Gerais, Espírito Santo, Tocantins, Maranhão, Piauí, Bahia e Ceará. As informações são do projeto Monitor de Secas da Agência Nacional de Águas, a ANA.
 

Enquanto isso, a seca avançou nos estados de Alagoas, Paraíba, Sergipe e parte do Tocantins.
 

A superintendente adjunta de Eventos Críticos da ANA, Ana Paula Fioreze, explica o monitoramento realizado no começo do ano.
 

“Em algumas regiões houve precipitação muito superior à média, e isso levou a uma redução significativa da seca, principalmente em Minas Gerais, Espírito Santo e parte da Bahia. Algumas poucas regiões mais próximas do litoral tiveram aumento de seca porque as precipitações foram um pouco inferiores. O mesmo aconteceu no Norte do Tocantins, onde também houve precipitação abaixo da média. Mas o que o monitor considera não é só precipitação, há outras variáveis envolvidas na construção dos indicadores”.


Ana Paula Fioreze fala que o projeto também monitora os impactos da seca no país.


“Os impactos de curto prazo são aqueles primeiro sentidos quando há uma seca na região. Por exemplo, perda em lavouras, principalmente as culturas de ciclo curto. Conforme a seca vai se estabelecendo por mais tempo, outras culturas mais perenes são atingidas, a produção agropecuária é atingida e as reservas hídricas, principalmente, são atingidas. E esses impactos de longo prazo são os últimos a regredirem”.


O Monitor de Secas hoje acompanha todos os nove estados do Nordeste, Minas Gerais, Espírito Santo e o Tocantins. A previsão da ANA é que até 2025 ele esteja monitorando a situação em todos os estados do país.


A ferramenta reúne todas as informações sobre a estiagem nessas regiões. O objetivo é compreender como o fenômeno se configura no país e ajudar nas políticas públicas de combate à seca.


As informações são de fácil compreensão e podem ser acessadas no site monitordesecas.ana.gov.br ou no aplicativo do projeto para celulares.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Política

Projeto que autoriza privatização dos Correios é aprovado na Câmara

O parecer do relator, deputado Gil Cutrim, do Republicanos, prevê  que  após o leilão, a estatal será transformada em uma empresa de economia mista, que passará a ser chamada de Correios do Brasil. E a  Anatel passa a regulamentar os serviços postais.

Baixar arquivo
Política

Lei de combate à violência política contra a mulher é sancionada

Uso indevido pelos partidos de nomes de mulheres apenas para o preenchimento da cota de 30% e o desvio dos recursos destinados ao financiamento das campanhas femininas estão entre os principais casos de violência política contra a mulher no Brasil.

Baixar arquivo
Segurança

Operação Shark desarticula grupo que aplicava golpes em empréstimos

Uma ação conjunta das polícias civis do Distrito Federal e do Rio de Janeiro desarticulou nesta quinta-feira um grupo especializado em aplicar golpes de empréstimos de dinheiro. Além do Rio e do DF, os criminosos atuavam nos estados de São Paulo e Pernambuco.

Baixar arquivo
Saúde

41 pessoas recebem medalhas do Mérito Médico e Mérito Oswaldo Cruz

As medalhas de ouro foram entregues a 15 ministros do governo, além dos presidentes da Câmara, Arthur Lira e do Senado, Rodrigo Pacheco

Baixar arquivo
Economia

Dia dos Pais: 32% dos brasileiros devem dar presentes aponta pesquisa

Domingo é Dia dos Pais. E pesquisa da Associação Comercial de São Paulo aponta que apenas 32% dos brasileiros planejam comprar um presente para celebrar a data. A pesquisa nacional mostra ainda que 19% dos consumidores ouvidos ainda estão indecisos.

Baixar arquivo