Presidência da República nega pressão de Temer para favorecer Geddel Vieira Lima

Política

Publicado em 25/11/2016 - 07:29 Por Victor Ribeiro - Brasília

O Palácio do Planalto negou que tenha pressionado o ex-ministro da Cultura Marcelo Calero para favorecer o ministro da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima.


Por meio do porta-voz, Alexandre Parola, o presidente Michel Temer admitiu ter se encontrado duas vezes com o então titular da Cultura, na quinta-feira passada, véspera da demissão de Calero. Parola  afirmou, ainda, que o objetivo era ajudar os ministros a entrarem em acordo.


Na quarta-feira (23), o ex-ministro da Cultura Marcelo Calero prestou voluntariamente depoimento à Polícia Federal para explicar os motivos que teriam provocado o pedido de demissão.


De acordo com o jornal Folha de São Paulo, Calero teria reiterado a pressão feita pelo ministro Geddel Vieira Lima. O ex-ministro teria acrescentado que, durante uma reunião, o presidente Michel Temer tentou enquadrá-lo para que ele encontrasse uma saída para a situação de Geddel.


O prédio onde o ministro da Secretaria de Governo comprou um apartamento teve a obra embargada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).


Agora, o depoimento de Marcelo Calero está com a Procuradoria-Geral da República. O órgão vai analisar o documento e decidir se arquiva ou se pede ao Supremo Tribunal Federal (STF) para investigar Geddel Vieira Lima, que tem foro privilegiado por ser ministro de Estado.

Últimas notícias
Pesquisa e Inovação

Fiocruz celebra 122 anos com histórias de sucesso e projetos de futuro

Em 122 anos a fundação cresceu e está presente em todas as cinco regiões do Brasil, com núcleos em dez estados, além do Distrito Federal e ainda tem parcerias com instituições científicas de 50 países.

Baixar arquivo
Saúde

Amazonas: Oftalmologia Humanitária realizará cirurgias e doará óculos

Os moradores dos municípios de Barcelos, Santa Isabel e Novo Airão, no Amazonas vão receber atendimentos oftalmológicos de graça a partir deste domingo até o dia 7 de junho.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

ONU pede investigação "célere e completa" sobre morte em ação da PRF

Genivaldo de Jesus Santos, de 38 anos, morreu depois de ser colocado por agentes da PRF dentro de uma viatura de onde saía muita fumaça. O IML de Sergipe identificou de forma preliminar a causa da morte como asfixia..

Baixar arquivo
Geral

Ao menos 33 pessoas morrem por causa das chuvas em Pernambuco

Uma única ocorrência neste sábado causou 19 óbitos: um deslizamento de barreira em uma comunidade na zona sul do Recife.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Dia da Dignidade Menstrual alerta para falta de acesso a itens básicos

Este sábado (28) é o Dia Internacional da Dignidade Menstrual, data que chama a atenção para a urgência de se garantir o acesso a itens de higiene, infraestrutura adequada e informação.

Baixar arquivo
Economia

Por liminar, justiça suspende demissões na Caoa Chery em Jacarei - SP

Segundo decisão da justiça do trabalho as dispensas coletivas precisam de prévia negociação considerando o impacto social que causam. A empresa tem prazo de cinco dias para o cumprimento da medida sob pena de multa de R$ 50 mil por dia. 

Baixar arquivo