Sem a reforma da Previdência, Maia diz que Brasil pode passar por crise como a do Rio

FGV

Publicado em 11/08/2017 - 12:29 Por Lígia Souto - Rio de Janeiro

O presidente da Câmara dos deputados, Rodrigo Maia, voltou a defender, nesta sexta-feira, a reforma da previdência para garantir o equilíbrio fiscal e a solvência do estado brasileiro.

 

Em evento na Fundação Getúlio Vargas, em Botafogo, na zona sul do Rio de Janeiro, o parlamentar disse também que não se sente confortável com o aumento da meta fiscal e salientou que essa possibilidade, sem a aprovação da reforma da previdência seria uma péssima sinalização para os investidores no Brasil.

 

Rodrigo Maia afirmou que pretende retomar em breve a discussão da reforma da previdência, justificando que, sem ela, o Brasil pode viver uma crise semelhante à do Rio em dívida com servidores e aposentados.

 

O deputado disse ainda que as condições atuais da previdência no Brasil são distorcidas se comparada com qualquer outro país do mundo. E reforçou que a intenção não é a retirada de direitos adquiridos, mas sim o corte de privilégios.

 

Durante o encontro, Maia falou ainda sobre a questão da segurança, ressaltando que o Congresso precisa reconstruir a legislação de segurança pública para o enfrentamento do crime organizado. 

 

* Matéria atualizada às 16h07 para acréscimo de informações e inserção de sonoras.

Últimas notícias
Economia

Plano Safra 2022/2023 anuncia R$ 340,8 bilhões para a agropecuária

Do total disponibilizado ao Plano Safra, R$ 246 bilhões vão ser destinados ao custeio e comercialização da atividade agrícola. Os R$ 94 bilhões restantes serão para investimentos no setor.

Baixar arquivo
Política

Presidente da Caixa pede demissão após denúncias de assédio sexual

Na carta de demissão encaminhada ao presidente Jair Bolsonaro, Guimarães negou as acusações e alegou que desde que assumiu a presidência da Caixa sempre combateu toda forma de assédio.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Procurador que espancou a chefe em cidade paulista vira réu

Demetrius Oliveira de Macedo foi filmado dando socos e chutes em Gabriela de Barros no local de trabalho. As agressões só pararam quando ela já estava desacordada no chão e foi arrastada pelas colegas para outra sala.

Baixar arquivo
Geral

Greve de ônibus em São Paulo termina após determinação da Justiça

A prefeitura de São Paulo deve decidir se aumenta o valor dos subsídios pagos às empresas de ônibus para compensar os custos maiores com o óleo-diesel e reajuste de salários, ou, se aumenta a tarifa do transporte público.

Baixar arquivo
Política

TCU aprova contas do governo federal de 2021 com ressalvas

Dentre os problemas apontados estão: o desvio de finalidades na aplicação de recursos da Seguridade Social; e a aplicação abaixo do previsto em projetos de irrigação na região Centro-Oeste.

Baixar arquivo
Geral

Entenda como funciona o golpe com criptomoedas chamado de "rug pull"

Um novo golpe está tirando o sono de quem investe em criptomoedas. É o chamado “rug pull”, expressão que, em inglês, significa “puxada de tapete”.
 

Baixar arquivo