Davi Alcolumbre é eleito presidente do Senado

Política

Publicado em 03/02/2019 - 08:55 Por Juliana Cézar Nunes - Brasília

Foram treze horas de sessão plenária, divididas entre sexta-feira (1º) e sábado (2), até que os senadores elegessem para a Presidência da Casa, em primeiro turno e com 41 votos, Davi Alcolumbre (DEM-AP). Ele passa a ser o terceiro na linha de sucessão presidencial e também presidente do Congresso.

 

Dos nove senadores que disputavam o cargo de presidente do Senado, três retiraram as candidaturas em apoio a Davi Alcolumbre. Renan Calheiros, do MDB de Alagoas, também retirou candidatura logo após voto aberto do senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), em favor do candidato do Democratas.

 

Sonora: “Para demonstrar que esse processo não é democrático, eu queria lhe dizer que o Davi não é Davi, Davi é Golias. Ele é o novo presidente do Senado e eu retiro a minha candidatura.”

 

Após ser eleito, Davi Alcolumbre negou que sua eleição seja uma vitória do governo e anunciou a prioridade de sua gestão.

 

Sonora: “O Senado Federal é um poder independente, tem que ser harmônico entre outros poderes, mas tem que ser respeitado. A vitória é do Senado, a vitória é do Brasil. Vou tentar insistentemente para que as conversações e o diálogo sejam o pano de fundo da minha administração.”

 

O novo presidente do Senado defende a aprovação da Reforma da Previdência.

 

Sonora: “O Brasil precisa da aprovação da Reforma da Previdência. O Senado vai debater. O compromisso da Presidência e dos senadores é tratar a matéria da forma mais célere possível para que a gente possa rapidamente destravar o Brasil e propor novos empregos e desenvolvimento para o nosso Estado.”

 

A sessão para eleger o presidente do Senado começou no fim da tarde de sexta-feira. Alguns parlamentares criticaram a permanência de Alcolumbre na presidência da sessão. A senadora Kátia Abreu (PDT-TO) chegou a retirar da mesa diretora pasta com documentos para a condução dos trabalhos.

 

Ainda na sexta, por 50 votos a 2 e uma abstenção, os senadores estabeleceram que a eleição seria com voto aberto. A votação foi anulada na madrugada de sábado pelo presidente do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, que determinou votação secreta conforme previsão regimental e o afastamento de Davi Alcolumbre da presidência por conflito de interesse.

 

No sábado, a primeira votação teve de ser anulada, pois foi constatada uma cédula a mais do que o número de senadores. Na segunda votação, Davi Alcolumbre foi eleito e será, aos 41 anos, o presidente do Senado mais jovem da história do parlamento.

 

A eleição dos demais integrantes da mesa diretora ficou para a próxima quarta-feira (6). 

 

Pelo twitter, o presidente Jair Bolsonaro cumprimentou Alcolumbre e afirmou que ele tem o desafio de transformar em ações o sentimento de mudança que a população expressou nas últimas eleições.

 

*Post alterado às 14h40 de 03/02/19 para inclusão de matéria consolidada com sonora. 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Eleições 2020

RJ tem nove detidos por compra de votos e boca de urna

Balanço do Tribunal Regional Eleitoral ainda é parcial. Quatro pessoas foram conduzidas para a delegacia em São Gonçalo, na Região metropolitana, após serem flagradas com material de campanha, bebidas e R$ 5 mil. Outras cinco ocorrências foram registradas em São João de Meriti. Nas outras cidades onde há segundo turno não houve notificações. Clima é de tranquilidade, segundo TRE.

Baixar arquivo
Eleições 2020

TRE substitui duas urnas eletrônicas em Pernambuco

Substituição ocorreu nas cidades de Recife e Paulista. De acordo com o secretário de Tecnologia da Informação e Comunicação do TRE, Geraldo Maciel, incidentes foram isolados e não comprometem contagem final de votos.

Baixar arquivo
Eleições 2020

TSE: 0,4% das urnas foram substituídas e 604 mil justificaram ausência

O percentual representa 583 máquinas que deram defeito, num universo de 97 mil urnas. Balanço ainda é parcial; a Polícia Federal também divulgou ocorrências: 29 pessoas foram conduzidas a delegacias.

Baixar arquivo
Eleições 2020

Bolsonaro vota na zona oeste do Rio

Esquema de segurança foi reforçado no local de votação, no bairro de Deodoro

Baixar arquivo
Eleições 2020

Manaus tem manhã tranquila de votação

 Amazonino Mendes (Podemos) e David Almeida (Avante) disputam a prefeitura da capital amazonense no segundo turno.

Baixar arquivo
Eleições 2020

Eleitores de Cuiabá (MT) voltam às urnas neste domingo

Cerca de 414 mil eleitores de Cuiabá, capital do Mato Grosso, vão às urnas neste domingo. Os candidatos Abílio Júnior, do Podemos, e Emanuel Pinheiro , do MDB,  vão disputar o segundo turno da eleição para prefeito de Cuiabá.

Baixar arquivo