Defesa de Witzel pede suspensão de processo de impeachment na Alerj

Rio de Janeiro

Publicado em 23/06/2020 - 20:37 Por Fabiana Sampaio - Rio de Janeiro

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, foi oficialmente notificado, na tarde desta terça-feira da abertura do processo de impeachment pela Alerj, Assembleia Legislativa do Estado. A notificação foi entregue aos advogados de Witzel. Com isso, segundo a Alerj, o prazo de dez sessões para a defesa começa a ser contado a partir da sessão plenária desta quarta-feira.


Também na tarde desta terça-feira, os advogados do governador apresentaram à Assembleia Legislativa do estado um pedido de suspensão do processo, alegando cerceamento de defesa do cliente, por falta de provas, e que há indefinição da lei aplicável ao rito do processo que a Alerj deve seguir.


Segundo a defesa, não foram anexados ao pedido de impeachment documentos que comprovem os fatos descritos. A denúncia, segundo os advogados, traz apenas a decisão do Superior Tribunal de Justiça que autorizou mandados de busca e apreensão no Palácio Laranjeiras, residência oficial do governador, com o objetivo de coleta de provas sobre supostas práticas de atos ilícitos. E que a ausência dessa documentação impede o exercício da ampla defesa e do contraditório.


O pedido que pode afastar o governador do cargo foi feito pelos deputados Luiz Paulo e Lucinha, ambos do PSDB, com base nas acusações da Operação Placebo, que investiga corrupção em contratos na área da Saúde durante a pandemia.


A Alerj informou que o pedido apresentado pela defesa do governador para suspensão de prazos e esclarecimento do rito, será encaminhado para a procuradoria da Casa, que vai emitir parecer sobre a solicitação.


Na nota, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado André Ceciliano, afirma ainda  que o direito à ampla defesa será sempre respeitado no Parlamento.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Geral

Fóssil de dinossauro é encontrado em Marília, no estado de São Paulo

O osso foi localizado durante obras em uma rodovia e tudo indica que seja de um Titanossauro, dinossauro que viveu na região há cerca de 70 milhões de anos.

Baixar arquivo
Segurança

Operação Anhanguera efetua 22 prisões em quatro dias de atuação

Realizada em conjunto pelas secretarias de Segurança Pública de Goiás e do Distrito Federal, ação realizou ainda 87 autos de infração e 44 autos de infração de trânsito.

Baixar arquivo
Saúde

Covid: 11 estados investigam casos de pessoas que tomaram 3ª dose

Mesmo com boa parte do país sem completar a imunização contra a covid-19, há pessoas que estão buscando a 3ª dose da vacina de forma deliberada em uma ação que pode se configurar como crime de estelionato e fraude.

Baixar arquivo
Política

Senador Ciro Nogueira (PP-PI) é o novo ministro da Casa Civil

Um dos principais líderes do chamado "Centrão" do Congresso Nacional assume a vaga no lugar do general Luiz Eduardo Ramos. 

Baixar arquivo
Esportes

O surfista Ítalo Ferreira conquista primeiro ouro do Brasil em Tóquio

O surfista brasileiro Ítalo Ferreira disputou a final contra o japonês Kanoa Igarashi ,e venceu por 15,14 contra 6,60. Essa é primeira medalha de ouro do Brasil na modalidade que está estreando nos jogos de Tóquio.

Baixar arquivo
Saúde

Pfizer entrega mais 1 milhão de doses de vacina ao Ministério da Saúde

A Pfizer vai entregar, nesta terça-feira, mais 1 milhão de doses da vacina contra a covid-19. Com isso, já são mais de 24 milhões de doses entregues até agora ao Ministério da Saúde

Baixar arquivo