CPI da Pandemia vai ouvir o médico Carlos Roberto Ribeiro de Carvalho

Publicado em 13/10/2021 - 16:19 Por Leandro Martins - Repórter da Rádio Nacional - Brasília

O comando da CPI da Pandemia no Senado divulgou, nesta quarta-feira, que a sequência de trabalho da comissão foi alterada. O último depoimento não será mais do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, que já foi ouvido duas vezes pelos senadores. No lugar dele, foi chamado para prestar esclarecimentos o médico pneumologista Carlos Roberto Ribeiro de Carvalho. Ele é autor de um trabalho técnico que condena o uso de substâncias sem eficácia contra a covid-19.

A oitiva está prevista para 18 de outubro. Mas, a convocação dele precisa ser aprovada na sessão extraordinária do colegiado, na próxima sexta-feira, dia 15. No mesmo dia, parentes de vítimas da covid-19 também vão ser ouvidos pelos senadores.

Por enquanto, segue mantida a data de 19 de outubro para a leitura do relatório, pelo relator da CPI, Renan Calheiros, com votação no dia seguinte.

Outros senadores da CPI anunciaram que vão apresentar um relatório paralelo. Caso do senador Eduardo Girão (do Podemos do CE), que alega que faltou a Comissão investigar irregularidades e desvios de recursos no combate à pandemia nos estados e municípios. Também devem apresentar um relatório paralelo os senadores governistas Marcos Rogério, do DEM de RO, e Luiz Carlos Heinze, do PP do RS; e ainda o senador da oposição Alessandro Vieira, do Cidadania de SE.

Edição: Nádia Faggiani / Beatriz Arcoverde

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Saúde

Alerj aprova liberação do uso de máscaras ao ar livre no estado do Rio

O projeto aprovado pela Alerj ainda precisa seguir para sanção ou veto  do governador Cláudio Castro, que tem um prazo de 15 dias para publicar a decisão.

Baixar arquivo
Geral

Roubo de cabos de energia dificultou trajetos do metrô em São Paulo

Segundo o Metrô, foram roubados 30 metros de cabos do sistema que alimenta a energia dos trens. A confusão começou por volta das 5h e também comprometeu a operação na Linha Azul.

Baixar arquivo
Saúde

INCA alerta para perigos do consumo coletivo de narguilés na pandemia

Para além dos riscos da transmissão de doenças como a covid, caso a mangueira seja compartilhada, uma sessão de narguilé, que costuma durar entre 1hora a 90 minutos, equivale ao consumo de 100 cigarros comuns. 

Baixar arquivo
Meio Ambiente

Rio de Janeiro pretende cortar investimentos de empresas poluidoras

Às vésperas da Conferência das Nações Unidas Sobre Mudanças Climáticas, em Glasgow, na Escócia, a capital fluminense reforçou seu compromisso de aumentar os investimentos em soluções climáticas baseadas na economia verde, e cortar os investimentos municipais a empresas de combustíveis fósseis. 

Baixar arquivo
Educação

RJ: Justiça determina volta à aula presencial em instituições federais

Justiça Federal no Rio de Janeiro determinou o retorno às aulas presenciais em instituições federais, do ensino básico ao superior, suspensas desde o ano passado devido à pandemia de covid-19. A liminar é do desembargador Marcelo Pereira da Silva, do Tribunal da 2ª Região.

Baixar arquivo
Economia

Operação da Anatel apreende R$ 1,2 milhão em produtos no Mercado Livre

No total 9.800 produtos foram lacrados incluindo carregadores de celular, baterias, relógios inteligentes e microfones sem fio. Fabricantes e vendedores de produtos oficiais denunciaram a plataforma ANATEL que constatou anúncios de prováveis produtos irregulares. Houve cooperação das equipes do Mercado Livre na identificação dos produtos.

Baixar arquivo