TCU retoma julgamento sobre privatização da Eletrobras

Publicado em 18/05/2022 - 15:31 Por Lucas Pordeus Leon - Repórter da Rádio Nacional - Brasília

A autorização final para privatização da Eletrobras pode ser dada nesta quarta-feira (18) pelo Tribunal de Contas da União. O TCU retoma o julgamento suspenso no final de abril após pedido de vista do ministro revisor do caso, Vital do Rêgo. O ministro criticou o valor definido para venda da empresa e questionou o impacto na conta de luz dos consumidores.

O governo estimou em R$ 67 bilhões o valor das ações. Segundo o ministro do TCU, o valor deveria ser de R$ 130 bilhões, quase o dobro do estipulado pelo governo.

Segundo Vital do Rêgo, não foi incluída nos cálculos a potência total que as hidrelétricas podem produzir de energia. Já o Ministério de Minas e Energia justificou que o mercado trabalha com a geração média das usinas e não a potência total que elas podem alcançar.

O ministro revisor ainda argumentou que não há estudos para prever quanto ficará a conta de luz para o consumidor final após a privatização.

A desestatização da maior companhia energética da América Latina tem sido uma prioridade do governo. Nesta semana, o ministro de Minas e Energia, Adolfo Sachsida, se reuniu com sete dos oito ministros do TCU que vão votar no julgamento. Para o presidente da Eletrobras, Rodrigo Limp, se autorizada pelo TCU, a privatização pode ser concluída em agosto.

Nesta quarta-feira (18), a estatal anunciou lucros de mais de 2 bilhões e 700 milhões de reais no primeiro trimestre deste ano, valor 69% superior ao mesmo período de 2021.

Um ato contra a privatização está marcado para ocorrer na frente do TCU no momento do julgamento, convocado pelo Comitê de Defesa das Empresas Estatais.

Edição: Nádia Faggiani / Guilherme Strozi

Últimas notícias
Justiça

Representantes da OEA serão observadores das eleições em outubro

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Edson Fachin, assinou nesta terça-feira, nos Estados Unidos, um acordo para autorizar a participação da OEA -  Organização dos Estados Americanos na função de observadora das eleições de outubro.

Baixar arquivo
Cultura

Rádio MEC agora é Patrimônio Histórico e Cultural Imaterial do Rio

A lei que torna a Rádio MEC Patrimônio Cultural Imaterial do estado do Rio de Janeiro foi publicada nesta terça-feira pela Assembleia Legislativa.

Baixar arquivo
Geral

Pesquisa: 56% dos acidentes em BRs ocorrem em vias com gestão pública

Segundo a pesquisa, quando considerada a taxa de gravidade dos acidentes de trânsito, o índice aumenta para mais de 80% em rodovias sob gestão pública, contra 19% nas estradas sob concessão.

Baixar arquivo
Segurança

Golpistas usam novas estratégias para enganar vítimas pelo WhatsApp

Golpistas estão entrando em grupos de famílias se passando por parentes para pedir dinheiro emprestado pelo WhatsApp. Por esse esquema, integrantes de uma organização criminosa conseguiram mais de R$ 32 mil de uma mesma família.

Baixar arquivo
Educação

Senac do Rio oferece 8 mil vagas em cursos profissionalizantes

O Senac,  Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial do Rio de Janeiro, está com inscrições abertas para cerca de 8 mil vagas de cursos profissionalizantes em várias unidades no estado. O Programa Senac Gratuidade, que é voltado para a inserção de pessoas de baixa renda no mercado de trabalho,

Baixar arquivo
Economia

Em todo o país a venda de veículos usados aumentou 25% em maio

Segundo a entidade, o mês de maio apresentou os melhores resultados do ano. Mas no acumulado do primeiro semestre de 2022, as vendas de automóveis usados registraram queda de 19%.

Baixar arquivo