Campanha de vacinação contra pólio só atingiu 35% das crianças

Meta do Ministério da Saúde é imunizar 11,2 milhões com até cinco anos

Publicado em terça-feira, 27 Outubro, 2020 - 14:39 Por Anna Luisa Praser - Brasília

A menos de uma semana para terminar a campanha de vacinação contra a poliomielite, mais de sete milhões de crianças ainda não foram imunizadas. A meta é vacinar 11,2 milhões de crianças com menos um ano até cinco anos de idade; mas até o momento, cerca de 35% o público-alvo recebeu a vacina.

A poliomielite, conhecida popularmente como paralisia infantil, atinge normalmente crianças de até cinco anos de idade e pode causar lesões nas pernas, flacidez nos músculos e danos no sistema respiratório; podendo inclusive levar à morte. Oficialmente, o Brasil está livre da pólio desde 1990; mas precisa ter adesão à vacina para continuar assim.

Neide Aparecida sabe bem o que é viver com as sequelas da poliomielite. Ela desenvolveu a doença aos nove meses de idade. Hoje, aos 55 anos, a assistente social descreve um pouco as marcas deixadas pela pólio.

A cobertura vacinal tem sido cada vez menor ao longo dos anos, e não só para essa doença. De acordo com o Ministério da Saúde, há queda de imunização contra doenças como rubéola, sarampo e tétano, por exemplo. Por isso, a Neide faz um apelo muito importante.

No caso da poliomielite, ainda existe mais um motivo para que os pais não deixem de vacinar as crianças: ela causa um distúrbio neurológico que começa a dar sinais em adultos com mais de 35 anos e que tiveram a doença e causa principalmente a perda de neurônios motores que ficam próximos aos que foram danificados pelos vírus. Com isso, a pessoa tem uma perda acelerada de movimentos e a paralisia mais grave dos membros.

A poliomielite não tem cura, mas tem prevenção. A campanha de vacinação contra a paralisia infantil vai até o dia 30 desse mês.

Edição: Joana Lima

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Educação

Boas práticas adotadas em escolas são premiadas em Roraima

As escolas precisaram se adaptar e inovar durante a pandemia do novo coronavírus para manter o ensino e a frequência dos alunos.

Baixar arquivo
Saúde

Vacina da Oxford chega ao Brasil no 1º semestre de 2020

Mais de 100 milhões de doses da vacina desenvolvida pela Oxford Aztrazeneca vão chegar ao país no 1º semestre do ano que vem. Outras 160 milhões de doses serão desenvolvidas pela Fiocruz no 2o semestre. Ao todo serão 260 milhões de doses contra a covid-19.

Baixar arquivo
Economia

Produção industrial cresce pelo sexto mês seguido em outubro

Alta foi de 1,1% diante de setembro e recupera nível pré-pandemia. Dados são da Pesquisa Industrial Mensal, do IBGE. A atividade com maior influência no resultado foi a de veículos automotores, reboques e carrocerias.

Baixar arquivo
Política

Cresce a transparência em estados e municípios brasileiros, diz IBGE

Nos municípios o aumento foi ainda mais expressivo, passando de 19,3% para 45% das cidades com lei regulamentando os procedimentos para obter informações governamentais. E considerando apenas as cidades com mais de 500 mil habitantes o salto alcançou 56,4% para 93,8%. 

Baixar arquivo
Segurança

IBGE levanta dados sobre gestão de segurança em estados e municípios

Em sete estados, não há secretaria exclusivamente dedicada ao tema. As pesquisas também identificaram uma redução no número de delegacias de Polícia, com percentual de cobertura passando de 76,9%, em 2014, para 73,5%, em 2019.

 

Baixar arquivo
Geral

Polícia Federal aprende 2,5 toneladas de cocaína no Rio de Janeiro

Dois homens foram presos em flagrante. Um deles é um policial militar que estava de folga e fazia a segurança do galpão.O militar portava 2 armas sem registro, sendo 1 pistola e 1 revólver, além de rádio comunicador.

Baixar arquivo