Testes da vacina da Johnson & Johnson começam nesta quinta-feira no DF

800 pessoas vão participar; no Brasil, são 7 mil voluntários

Publicado em 11/11/2020 - 19:16 Por Dayana Vítor - Brasília

Os testes da vacina da Johnson & Johnson contra a Covid-19 devem começar aqui no Distrito Federal nesta quinta-feira. Um total de 800 pessoas vão participar, sendo que 400 irão receber o imunizante e 400 um placebo, ou seja, uma substância sem efeito. As aplicações vão ocorrer até janeiro de 2021. A informação foi confirmada por Eduardo Freire Vasconcellos, que será o responsável pelos estudos no DF.

Até o momento, dos mais de 6 mil voluntários que se inscreveram para participar dos testes, 100 já passaram nos exames prévios para integrar os estudos. Os selecionados serão divididos em quatro grupos: jovens saudáveis; aqueles com doenças pré-existentes; idosos saudáveis; e idosos com doenças prévias.

Os ensaios clínicos com a vacina da Jonhson estão na fase três, a última antes da liberação pelos órgãos reguladores. Em todo o mundo, 60 mil pessoas participam dos testes, também em outros países, como Índia, México, Colômbia, Chile, Bélgica e Ucrânia. No Brasil, são 7 mil voluntários.

O responsável pelos testes no DF, Eduardo Freire, acredita que a vacina possa estar pronta para comercialização no primeiro semestre de 2021.

No dia 12 de outubro, a empresa parou os testes mundiais com a vacina, depois que um dos integrantes do estudo apresentou uma doença inexplicada. Mas, após alguns dias, foi revelado que não havia ligação com o imunizante e os testes foram retomados. No dia 3 de novembro, a Anvisa liberou os testes aqui no Brasil.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Saúde

Câmara discute autorização do cultivo da maconha para uso medicinal

Agressão e bate-boca marcaram a discussão na Câmara dos Deputados sobre o projeto de lei que autoriza o cultivo da maconha para fins medicinais e a votação da medida foi adiada.

Baixar arquivo
Segurança

Golpe! Falsários enviam carta informando sobre supostas indenizações

Mais um golpe na praça. Tem gente se passando por representante do Ministério da Economia e enviando uma carta para contribuintes informando sobre supostas indenizações ou resgate de contribuições previdenciárias.

Baixar arquivo
Internacional

Consulado do Japão oferece 6 tipos de bolsas de estudo a brasileiros

As oportunidades são para cursos de graduação com duração de 5 anos; escola técnica com previsão de formação em 4 anos e cursos profissionalizantes com duração de 3 anos.

Baixar arquivo
Saúde

Prefeitura do Rio vacina pessoas a partir de 41 anos com comorbidades

A partir desta semana, a Prefeitura do Rio de Janeiro passa a vacinar duas faixas etárias por dia contra a covid-19. A imunização será para quem tem 42 e 41anos e tem comorbidades. Profissionais de saúde também devem procurar os postos de vacinação de acordo com a idade.

Baixar arquivo
Cultura

RJ: Palacete do Museu Histórico da Cidade reabre após dez anos fechado

Depois de uma década fechado, o Palacete do Museu Histórico da Cidade, na Gávea, zona sul do Rio de Janeiro, foi reaberto nesta terça-feira (18), que comemora o Dia Internacional dos Museus.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Intérpretes de línguas indígenas podem atuar na justiça de Tocantins

Profissionais intérpretes de línguas indígenas e peritos antropólogos podem se credenciar para ajudar no atendimento de indígenas acusados ou condenados por crimes no estado do Tocantins.

Baixar arquivo