Covid-19: Fiocruz nega vacina a tribunais e destinará tudo ao SUS

Ofícios do STF e STJ solicitavam reserva de doses para servidores

Publicado em 23/12/2020 - 16:16 Por Lígia Souto - Rio de Janeiro

Após receber ofícios do Supremo Tribunal Federal e do Superior Tribunal de Justiça com pedido de reserva de doses da vacina contra o novo coronavírus, a Fundação Oswaldo Cruz informou que a produção será integralmente destinada ao Ministério da Saúde.

Em nota divulgada nesta quarta-feira (23), a Fiocruz disse que a estratégia visa garantir à demanda do Programa Nacional de Imunização, não cabendo à Fundação atender a qualquer demanda específica por vacinas.

O texto é uma resposta ao STF e STJ, que encaminharam ofício solicitando a reserva de doses para a imunização de servidores. Depois de uma repercussão negativa do pedido, o presidente do STJ, ministro Humberto Martins, rebateu a informação de que estaria tentando furar a fila da vacina. Por nota, ministro disse que o documento encaminhado à Fiocruz se refere à intenção de compra dos imunizantes, da mesma forma como já é feito há anos com a vacina da gripe.

O tribunal justificou que, por se tratar de um produto novo, ainda não autorizado pela Agência Reguladora, há expectativa de grande demanda para a rede privada, após a aprovação. E informou que o interesse de reservar doses seria para imunizar magistrados, servidores ativos e inativos, dependentes, estagiários e colaboradores terceirizados do STJ e do Conselho da Justiça Federal.

O ministro Humberto Martins disse, ainda, que o pedido encaminhado é um protocolo comercial comum à aquisição de vacinas e negou que haja qualquer pedido de preferência para o tribunal.

Já o STF, que solicitou a reserva de 7 mil doses para a imunização de ministros e servidores da Corte e do Conselho Nacional de Justiça, disse que não tem qualquer intenção de obter prioridade na imunização em relação ao restante da população. E que a intenção não foi de se antecipar ao Plano Nacional de Imunização, mas sim dar sequência à política de promoção da saúde empreendida pela Corte.

A Fiocruz pretende entregar o primeiro lote com 1 milhão de doses da vacina de Oxford ao Ministério da Saúde na segunda semana de fevereiro do ano que vem.

Edição: Joana Lima

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Cultura

ONU anuncia mais 175 livros infantis para Clube de Leitura ODS

A ONU tem um desafio a ser cumprido até 2030: são os objetivos do desenvolvimento sustentável. E esse assunto também deve ser conhecido pelas crianças. Foram anunciadas as 175 obras escolhidas para aumentar o Clube de Leitura dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

Baixar arquivo
Esportes

Atlético-MG recebe São Paulo neste domingo no Mineirão

Atlético-MG e São Paulo precisam concentrar forças para o Campeonato Brasileiro. Galo e Tricolor passaram por dificuldades nas duas primeiras rodadas e perderam pontos que podem ser preciosos no fim da competição.

Baixar arquivo
Geral

Ministério de Direitos Humanos lança campanha contra trabalho infantil

12 de junho é o Dia Internacional e Nacional de Combate ao Trabalho Infantil. No Brasil, é ilegal qualquer tipo de trabalho realizado por crianças ou adolescentes com menos de 16 anos, independentemente da finalidade ou remuneração.

Baixar arquivo
Geral

Criminoso mais procurado do Rio é morto em ação da Polícia Civil

A Polícia Civil do Rio de Janeiro capturou neste sábado (12) Wellington da Silva Braga, conhecido como Ecko, chefe da maior milícia em atividade do

Baixar arquivo
Esportes

Seleção venezuelana confirma 12 casos positivos para covid-19

A Secretaria de Saúde do Distrito Federal informou que foi notificada pela Confederação Sul-americana de Futebol, a Conmebol, nessa sexta-feira (12), de que 12 integrantes da seleção venezuelana de futebol, entre

Baixar arquivo
Geral

Queiroga diz que todos os brasileiros devem ser vacinados este ano

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, assegurou neste sábado (12), que todos os brasileiros com mais de 18 anos deverão estar vacinados contra a covid-19 até o final deste ano.

Baixar arquivo