Anvisa publica plano para monitorar efeitos da vacina para covid-19

Será criada uma sala de situação para a vigilância de eventos adversos

Publicado em sábado, 16 Janeiro, 2021 - 19:11 Por Leandro Martins - Brasília

A Anvisa publica plano para monitorar possíveis efeitos colaterais das vacinas contra a covid 19.

O Plano de Monitoramento de Eventos Adversos de Vacinas, publicado nessa sexta-feira (15), aponta lições aprendidas com epidemias anteriores, na cooperação entre autoridades reguladoras de vários países do mundo, e também estratégias para monitorar os produtos destinados à pandemia de covid-19.  

Um dos pontos previstos no plano é a criação de uma sala de situação para a vigilância de eventos adversos das vacinas contra covid-19. 

Com o “MonitoraCovid-19”, a Agência vai fornecer informações para ajudar na tomada de decisão em casos de efeitos colaterais da imunização. Também vai orientar os profissionais de saúde com maneiras de minimizar ou interromper possíveis riscos.

O Plano de Monitoramento prevê ainda a recriação da Câmara Técnica de Farmacovigilância, onde especialistas técnico-científicos de alto nível, não ligados à Anvisa, vão assessorar a Agência na tomada de decisões, como a avaliação cuidadosa dos casos e no julgamento sobre a segurança das novas vacinas.  

Outro ponto é estimular a comunicação de possíveis efeitos adversos ao sistema de saúde o mais rápido possível, pelo sistema VigiMed.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Educação

MPDFT pede volta de aulas presenciais na rede pública de ensino

No processo, o MP defende que a educação deve ter seu retorno definido como prioridade pelo governo local, por considerar uma atividade essencial. Também pede a retomada das aulas presenciais de forma escalonada, progressiva e facultativa aos pais e responsáveis, sendo respeitados todos os protocolos de segurança sanitária nos ambientes escolares para impedir a propagação da covid-19.

Baixar arquivo
Política

Senado deve votar hoje PEC sobre retomada do auxílio emergencial

A proposta é a que abre caminho para a volta do auxílio emergencial, que será pago em 4 parcelas mensais de R$250, segundo a previsão do governo.

Baixar arquivo
Esportes

Copa do Nordeste: Fortaleza e CRB se enfrentam nesta quarta-feira

Hoje tem jogo pela Copa do Nordeste: Fortaleza e CRB. 

Confira também os jogos pelos campeonatos estaduais marcados para esta quarta-feira (3), com Bruno Mendes. 

Baixar arquivo
Política

Empresas privadas poderão comprar vacina contra a covid-19

Projeto foi aprovado na Câmara e segue para sanção presidencial.  O texto aprovado pelos deputados estabelece que enquanto durar a vacinação dos grupos prioritários, as doses compradas pela iniciativa privada deverão ser integralmente doadas ao SUS.

Baixar arquivo
Saúde

Governadores pedem ação integrada para combate à covid-19

Ao longo do dia, os governadores também estiveram com representantes do Ministério da Saúde. E ouviram da presidente da Comissão de Orçamento, a deputada Flávia Arruda, do PL, a promessa de receberem R$14,5 bilhões  em emendas parlamentares destinadas ao Sistema Único de Saúde.

Baixar arquivo
Política

Não há crise entre o Brasil, China e Estados Unidos, diz ministro

O ministro das relações exteriores, Ernesto Araújo, afirmou hoje que não há crise entre o Brasil, China e Estados Unidos. Na coletiva de imprensa sobre a política externa, realizada, nessa terça (02), Araújo disse que a crise com embaixador chinês no país está superada.

Baixar arquivo