Rio tem bloqueio, policiamento e fiscalização para impedir aglomeração

Prefeitura vai encerrar festas clandestinas nos próximos dias

Publicado em 12/02/2021 - 13:23 Por Raquel Junia - Rio de Janeiro

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, fez um novo apelo nesta sexta-feira à população para que não se aglomere no período de carnaval. Durante a divulgação do 6º boletim epidemiológico, que continuou classificando todos os bairros da cidade como de alto risco para a covid, Paes comentou a frustração de não organizar a festa e pediu a consciência das pessoas.

O prefeito prometeu encerrar as festas clandestinas que estão sendo organizadas para os próximos dias e mais uma vez orientou que as pessoas não comprem esses ingressos.

A prefeitura anunciou um planejamento para conter as aglomerações nos próximos dias. Os blocos que descumprirem a proibição de desfilar serão descredenciados do carnaval do ano que vem.

Uma força tarefa estará na ruas e será feita observação com câmeras 24 horas por dia, a partir do Centro de Operações carioca, para ajudar no controle da movimentação nos espaços públicos. A fiscalização vai acontecer em pontos estratégicos com equipes físicas e móveis. Mais de mil agentes estarão mobilizados.

O governo do Estado do Rio também anunciou reforço nos efetivos da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros, inclusive com a suspensão de férias e folgas. Serão empregados nas ações de patrulhamento 13.828 PMs, entre sábado e terça-feira, com apoio de dois mil viaturas em todo o estado.

As vistorias noturnas do Corpo de Bombeiros irão até o feriado de terça-feira (16).  Na capital, pontos de bloqueio já estão controlando o acesso à cidade para impedir a entrada de ônibus fretados em vias expressas estratégicas.

Edição: Joana Lima

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Geral

Covid-19: São Luís é 1ª capital a vacinar pessoas com 29 anos ou mais

São Luís é a primeira capital do país a vacinar pessoas a partir de 29 anos sem comorbidades contra a covid-19.

Até domingo (13), será feito um mutirão para acelerar o ritmo da vacinação, conforme anunciou em redes sociais o governador do Maranhão, Flávio Dino.

Baixar arquivo
Geral

Programa Caixa Mais Brasil chega à 100ª edição neste sábado

Durante este fim de semana, a Caixa Econômica Federal promove mais uma edição do programa Caixa Mais Brasil.

Baixar arquivo
Geral

Covid-19: projeto no DF oferece apoio psicológico a enlutados

Lidar com a morte é um processo doloroso. E desde o início da pandemia do coronavírus, por causa das medidas de segurança e distanciamento social, nem sempre quem perde um ente querido encontra uma rede de apoio para enfrentar esse momento.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Pandemia coloca 9 milhões de crianças em risco de trabalho infantil

Os dados estão no relatório do Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância) publicado para marcar o Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil, celebrado neste sábado, 12 de junho

Baixar arquivo
Saúde

Estado do Rio de Janeiro permanece com risco moderado para covid-19

O Mapa de Risco Covid-19 manteve a classificação geral na bandeira laranja, mas segundo o estudo, houve melhora no cenário epidemiológico em seis regiões.

Baixar arquivo
Saúde

Fiocruz recebe insumo para a produção de 6 milhões de doses da vacina

A Fiocruz recebe neste sábado (12) mais um lote de IFA para a produção da vacina contra a covid-19. O insumo deverá desembarcar no final da tarde no Rio de Janeiro.

Baixar arquivo