São Paulo entra na fase vermelha neste sábado (6)

Apenas serviços essenciais podem abrir as portas

Publicado em 03/03/2021 - 19:32 Por Eliane Gonçalves - São Paulo

Com aumento de mortes por covid-19 e ocupação de leitos de UTI próxima ao limite, São Paulo retrocede e entra na fase vermelha a partir de sábado (6). A fase vermelha  é a mais restritiva do plano que orienta a quarentena no estado.

Com isso, a partir da zero hora de sábado, apenas serviços essenciais podem abrir as portas. A restrição vai durar duas semanas, até o dia 19 de março.

Entre os serviços autorizados a funcionar estão hospitais, farmácias, postos de combustível, oficinas mecânicas, padarias e supermercados.

Na avaliação do coordenador executivo do Centro de Contingência para o Coronavírus, João Gabbardo, não havia outra opção.

Nesta quarta-feira (3), o estado registrava 7.415 pessoas internadas por covid-19 - quase 20% a mais que em junho do ano passado, até então o pior momento da pandemia. Mais de 75% dos leitos de terapia intensiva estão ocupados. Na terça, São Paulo bateu o recorde de mortes em um único dia desde março do ano passado - 468 pessoas morreram.

Apesar de ser consenso dentro do governo paulista de que a situação agora é mais grave que a de meados do ano passado, desta vez as escolas públicas e privadas vão continuar funcionando.

O secretário de Educação, Rossieli Soares, disse que as escolas precisam estar abertas para atender estudantes que não conseguem fazer aulas à distância.

O Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo (Apeoesp) tem monitorado os casos de covid-19 nos estabelecimentos de ensino.

Desde que as atividades presenciais foram retomadas, já foram registrados 1.780 casos da doença entre professores, funcionários e estudantes. O número inclui também familiares que foram infectados por estarem em contato com profissionais que contraíram o vírus durante o trabalho.

Além das escolas, templos religiosos também vão poder abrir as portas na fase vermelha.

O toque de recolher que proíbe a circulação continua em vigor mas foi ampliado. Agora começa às 8h e vai até as 5h.

 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Geral

Medidas restritivas no DF são flexibilizadas a partir de amanhã

O horário de funcionamento de bares e restaurantes será estendido por mais duas horas, e eventos esportivos podem ser realizados após 22h, mas sem público.

Baixar arquivo
Geral

Certidões de óbitos e nascimentos digitais aumentam 162% na pandemia

Segundo a Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais (Arpen), esses números se devem, em parte, à restrição de circulação de pessoas.

Baixar arquivo
Saúde

Programa Saúde em Nossas Mãos reduz casos de infecções em hospitais

Aumentar a segurança e diminuir as taxas de infecção nos hospitais do SUS, esse é o objetivo do programa "Saúde em Nossas Mãos". Criada em 2017, a iniciativa conseguiu evitar 7.674 casos de infecções relacionadas à assistência à saúde em 116 hospitais públicos do país.

Baixar arquivo
Geral

Apps de transporte dão desconto para quem for doar sangue no Hemorio

A partir desta segunda-feira até o dia 30 de abril, serão oferecidos descontos de até R$ 30 nas viagens que tiverem como destino o Instituto de Hematologia Arthur de Siqueira Cavalcante, no Rio de Janeiro.

Baixar arquivo
Economia

Maioria dos empresários acredita que situação nos negócios se agravou

Quase 52% dos empresários fluminenses ouvidos por uma pesquisa da Fecomércio acreditam que a situação dos seus negócios se agravou bastante nos últimos três meses. A proporção é mais que o dobro do apurado em março, quando 23,2% deles faziam essa avaliação.

Baixar arquivo
Pesquisa e Inovação

Jovens cientistas brasileiros participam de eventos internacionais

Nove projetos de estudantes brasileiros foram escolhidos para representar o país em dois eventos internacionais destinados a jovens que pretendem seguir carreira no ramo da ciência e tecnologia.

Baixar arquivo