No Rio a campanha de vacinação contra a gripe começa nesta quarta

Publicado em 12/04/2021 - 14:20 Por Lígia Souto, Repórter da Rádio Nacional - Rio de Janeiro

A vacinação contra a gripe no Rio de Janeiro está prevista para começar nesta quarta-feira. No âmbito nacional, a campanha foi lançada pelo Ministério da Saúde, nesta segunda. Alguns municípios fluminenses chegaram a anunciar essa mesma data para o início da imunização contra o vírus influenza, mas precisaram ajustar o calendário.

Isso por que as 500 mil doses ainda estão sendo distribuídas pelo governo do estado, que decidiu priorizar a  entrega das vacinas contra a covid-19. A informação foi confirmada pelo Secretaria de Saúde.

A expectativa é que sejam vacinadas contra a gripe 6,8 milhões de pessoas em todo o Rio de Janeiro, o que corresponde a 90% dos grupos prioritários. O público alvo será dividido em três etapas, de forma escalonada. Neste ano, a vacinação vai começar por crianças, gestantes, mulheres que deram a luz há pouco tempo, povos indígenas e trabalhadores da saúde. Depois, será a vez dos idosos e professores.

Além de reduzir possíveis complicações decorrentes da gripe, a campanha ganha uma outra importância neste momento de pandemia. Com leitos de unidades de terapia intensiva lotados e fila de espera nos hospitais, a vacinação contra o H1N1 e suas variantes também evita uma sobrecarga ainda maior do sistema de saúde.

Há ainda uma outra novidade este ano que merece atenção: a campanha de vacinação contra a gripe coincide com a da covid-19. Nesse caso, vale ressaltar que a recomendação médica é para não aplicar os dois imunizantes simultaneamente. O cuidado se deve ao fato de não existirem estudos sobre a administração conjunta dessas vacinas. E na possibilidade de participar das duas campanhas, a orientação é clara: priorizar a aplicação da dose contra o novo coronavírus.

Edição: Vitória Elizabeth/ Beatriz Arcoverde

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Geral

Governo restringe entrada de estrangeiros vindos da Índia

Após recomendação da Anvisa, o governo federal proibiu temporariamente a entrada no país de passageiros estrangeiros de voos com origem ou passagem pela Índia, pelo Reino Unido, pela Irlanda do Norte e pela África do Sul.

Baixar arquivo
Geral

Quadro de saúde de Bruno Covas é irreversível, segundo boletim médico

Covas soube que estava com câncer entre o esôfago e o estômago em 2019. Internado desde 02 de maio no hospital Sírio-Libanês, ele está sedado e acompanhado de familiares.

Baixar arquivo
Saúde

Município de Botucatu realiza vacinação em massa

A iniciativa consiste em estudo da vacina produzida pelo laboratório Astrazeneca; e é resultado de parceria entre a Prefeitura, Governo Federal, Unesp, Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu e Fundação Gates.

Baixar arquivo
Saúde

Rio de Janeiro tem melhora no risco da pandemia

A região norte saiu da bandeira laranja e passou para a amarela, risco baixo; e a região litorânea foi da laranja para a vermelha. Com as mudanças o estado fica na bandeira laranja, que indica risco moderado.

Baixar arquivo
Política

Corpo de Picciani é cremado em cerimônia no Rio de Janeiro

Jorge Picciani morreu aos 66 anos, na madrugada dessa sexta-feira, no hospital Vila Nova Star, em  São Paulo, onde estava internado desde o dia 8 de abril, para tratar de um câncer na bexiga.

Baixar arquivo
Saúde

Lewandowski concede a Pazuello direito de ficar em silêncio na CPI

A decisão contempla parcialmente o pedido de habeas corpus feito pela Advocacia-Geral da União e inclui o direito a não responder perguntas que possam incriminá-lo em seu depoimento, marcado para a próxima quarta-feira (19).

Baixar arquivo