Estudo analisa se é possível prever quem permanece suscetível à covid

Realizado em cinco países, tem colaboração da Fiocruz no Brasil

Publicado em 14/06/2021 - 16:06 Por Tâmara Freire - Repórter da Rádio Nacional - Rio de Janeiro

Uma pesquisa realizada em cinco países, incluindo o Brasil, vai investigar se é possível prever quem permanece suscetível às variantes do coronavírus, mesmo depois de ter recebido a vacina ou contraído a covid-19. Liderado pelo Instituto de Pesquisa Infantil Murdoch, na Austrália, com colaboração da Fiocruz no Brasil, esse vai ser um subestudo da pesquisa Brace, que desde o ano passado está investigando se a vacina BCG tem algum efeito atenuante sobre o novo coronavírus.

Cerca de sete mil profissionais de saúde estão sendo monitorados nesses cinco países, incluindo 2.600 brasileiros. Com o surgimento de novas variantes, para as quais as respostas imunes após a infecção ou a vacina podem não ser tão eficazes, os cientistas resolveram aproveitar essa grande rede de voluntários e estender o trabalho.

A pesquisadora da Fiocruz Margareth Dalcolmo explica que o estudo vai analisar também se a BCG melhora a resposta imune às vacinas da Pfizer, AstraZeneca e CoronaVac, que já estão sendo aplicadas no país.

A BCG é uma das vacinas mais utilizadas no mundo, aplicada anualmente em cerca de 120 milhões de recém-nascidos. No Brasil, ela faz parte do calendário básico infantil desde a década de 70. A sua relação com a covid-19 começou a ser investigada porque, além de prevenir formas graves de tuberculose, ela também pode proteger contra outras infecções, sem especificações. Ensaios clínicos realizados na Grécia, Guiné-Bissau e África do Sul apontaram redução nas mortes e internações por problemas respiratórios diversos associados à vacina.

Edição: Vitória Elizabeth/ Renata Batista

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Geral

Conta de energia elétrica continua na bandeira vermelha em agosto

Segundo a Aneel, a bandeira vermelha se justifica pelo baixo nível dos principais reservatórios do SIN, o Sistema Interligado Nacional.

Baixar arquivo
Saúde

Estado do RJ tem redução de mortes por covid entre junho e julho

Estudo comparou os dados epidemiológicos de duas semanas: de 11 a 17 de julho e de 27 de junho a 3 de julho.  

Baixar arquivo
Direitos Humanos

40 mil denúncias de violência doméstica são feitas até junho no Brasil

São casos de desrespeito contra a liberdade, a segurança, o patrimônio e a integridade das mulheres. 

Baixar arquivo
Saúde

SC: Saúde vai liberar R$ 5 milhões a atendimento de alta complexidade

O Ministério da Saúde vai liberar mais de R$ 5 milhões para ampliar o atendimento de alta complexidade à saúde em hospitais de Santa Catarina. O anúncio foi feito pelo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, durante visita à cidade de Blumenau, em Santa Catarina.

Baixar arquivo
Geral

Campanha lançada no RJ visa proteger crianças e adolescentes do tabaco

A prefeitura do Rio de Janeiro lançou a campanha Diga não às iscas, com o objetivo de proteger crianças e adolescentes do contato com produtos derivados do tabaco, que podem levar à dependência.

Baixar arquivo
Esportes

Boxe brasileiro avança e já garante bronze para o Brasil

Um pugilista e uma pugilista já estão no caminho das medalhas em Tóquio. 

Baixar arquivo