Em 24 anos, SP registra queda de 74% de mortes por Aids

Publicado em 28/07/2021 - 14:19 Por Nelson Lin - Repórter da Rádio Nacional - São Paulo

O estado de São Paulo registrou uma queda de 74% nos casos de óbitos por Aids, 24 anos após o pico de mortes pela doença. Em 1995, foram registrados 7.739 óbitos, a taxa de mortalidade era de 22,9 por 100 mil habitantes. Em 2019, caiu para 2.049 mortes e a taxa de mortalidade passou para 4,6 por 100 mil habitantes. Esses dados foram apresentados nessa terça-feira (28) pela Fundação Seade, de análise de dados.

De acordo com o Centro de Referência e Tratamento de Dsts e Aids de São Paulo, o diagnóstico precoce é fundamental para que, com a utilização de remédios e tratamento, a pessoa tenha quadros menos graves da doença e maior qualidade e expectativa de vida. Conforme explicou a diretora do centro, a médica Maria Clara Gianna. Segundo ela é importante ter testes rápidos oferecidos à população e treinar os profissionais de saúde e encaminharem os usuários do SUS aos exames.

O vírus HIV, causador da Aids é transmitido através da relação sexual desprotegida ou por meio do contato com mucosas ou área ferida do corpo, ou ainda através do compartilhamento de seringas e agulhas.

Por isso, é fundamental o uso de preservativos nas relações sexuais e de profilaxias pré e pós-exposição pelos grupos mais vulneráveis. Esses tratamentos podem ser encontrados de graça no SUS.

Além disso, o Centro de Referência em São Paulo lista locais onde as pessoas podem fazer testes de HIV gratuitos,  no site crt.saude.sp.gov.br ou pelo serviço Disque DST/aids: 0800 162 550

Edição: Nádia Faggiani / Guilherme Strozi

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Economia

Ministro da Cidadania faz balanço do auxílio emergencial na Câmara

Ele lembrou a agilidade com que o benefício foi liberado, seis dias depois da publicação da lei, ainda em março do ano passado para quem estava inscrito no CadÚnico. E explicou que o pagamento e a liberação dos valores foi feita com apoio de vários órgãos de tecnologia do governo e instituições bancárias.

Baixar arquivo
Saúde

Rio antecipa segunda dose da Pfizer em pessoas com mais de 50 anos

A medida, que começou a valer já nesta terça-feira (21), foi confirmada pelo prefeito Eduardo Paes por meio de um comunicado no Twitter.

Baixar arquivo
Esportes

Troféu Norte-Nordeste de Atletismo reunirá 273 atletas de 18 estados

Em sua 45ª edição, a competição contará com atletas de ponta, como Keila Costa, no salto em distância e triplo, e José Fernando Ferreira Santana, o Balotelli, no decatlo, salto com vara e lançamento do dardo.

Baixar arquivo
Esportes

Confira os resultados do futebol dessa segunda-feira (20)

Na Série A do Campeonato Brasileiro, Cuiabá e Fluminense ficaram no empate em 2 a 2. Na Série D do Brasileirão, o Guarany-CE venceu o Galvez por 2 a 0 e está classificado para as oitavas de final.

Baixar arquivo
Saúde

Anvisa conclui que morte de adolescente não teve relação com vacina

A Anvisa recebeu o relatório de investigação com detalhes do processo de avaliação e entendeu não ser possível atribuir diretamente a morte de uma jovem em São Paulo à vacinação contra a covid-19.

Baixar arquivo
Saúde

Queiroga discute parcerias com Reino Unido no combate ao coronavírus

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, está na comitiva que acompanha o presidente Jair Bolsonaro na Assembleia Geral da ONU. Ele participou, junto com Bolsonaro, de uma reunião com o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson.

Baixar arquivo