Anvisa rejeita uso da Coronavac em crianças e adolescentes

Publicado em 18/08/2021 - 21:17 Por Jéssica Gonçalves - Brasília

Em decisão unânime, a Anvisa, Agência Nacional de Vigilância Sanitária, rejeitou, nesta quarta-feira, o uso da vacina Coronavac em crianças e adolescentes de 3 a 17 anos no Brasil. Em reunião da diretoria colegiada, a agência avaliou um pedido feito no início deste mês pelo Instituto Butantan, que produz o imunizante em parceria com a biofarmacêutica chinesa SinoVac. Todos os diretores seguiram o voto da relatora, diretora Meiruze Freitas.

No encontro, que foi realizado por videoconferência, o Gerente Geral de medicamentos e produtos biológicos, Gustavo Mendes, disse que a eficácia da Coronavac na população pediátrica e também a duração da proteção desse imunizante contra a covid 19 nessa faixa etária ainda são desconhecidas.

Aqui no Brasil, até o momento, apenas os adolescentes de 12 a 17 anos podem se vacinar contra a covid 19, com o imunizante da Pfizer.

Na reunião desta quarta-feira, a Anvisa também decidiu recomendar que o Ministério da Saúde considere a possibilidade de aplicar uma terceira dose da Coronavac em grupos prioritários, como pacientes imunocomprometidos ou idosos acima de 80 anos.

Mesmo que o Instituto Butantan ainda não tenha apresentado todos os dados sobre a capacidade de resposta imunológica da Coronavac, a diretoria da Anvisa concluiu que a relação benefício-risco da vacina continua favorável. Por isso, foi mantida a autorização de uso emergencial para a vacina. 

 

 

Edição: Raquel Mariano / Alessandra Esteves

Últimas notícias
Direitos Humanos

Câmara aprova MP que abre crédito para doar alimentos a quilombolas

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira a medida provisória que abre crédito extraordinário de R$ 167,2 milhões para o Ministério da Cidadania distribuir cestas de alimentos à população quilombola. A matéria segue para o Senado.

Baixar arquivo
Geral

Defesa Civil de São Paulo emite alerta para ressaca marítima

São esperadas ondas de até 4 metros de altura, em todo o litoral do estado de São Paulo.  A recomendação é que os banhistas evitem a prática de esportes aquáticos ou que utilizam o vento, como surf, windsurf e kitesurf.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Defensoria Pública e Conectas denunciam violência na Cracolândia em SP

A Defensoria Pública de São Paulo e a organização não-governamental Conectas Direitos Humanos encaminharam nesta semana à Comissão Interamericana de Direitos Humanos um pedido de proteção para a população em situação de rua e de usuários de drogas que vive na chamada Cracolândia, na capital paulista.

Baixar arquivo
Política

Governo Federal deve cortar mais R$ 10 bilhões dos ministérios

E para um possível reajuste de 5% a categorias do funcionalismo público como policiais rodoviários federais e agentes penitenciários será necessário um novo corte de mais R$ 7 bilhões nas despesas. 

Baixar arquivo
Economia

Congresso debate importância do petróleo na transição energética

A redução das emissões de carbono no setor de óleo e gás foi um dos assuntos abordados nesta quinta-feira no Congresso Mercado Global de Carbono – Descarbonização & Investimentos Verdes.

Baixar arquivo
Geral

Podcast Entrevista é Nacional: a luta contra o abuso sexual infantil

A campanha Maio Laranja é um incentivo ao combate ao abuso e à exploração sexual infantil no Brasil.  A presidente do Instituto Infância Protegida, Raquel Vieira de Andrade Oliveira, fala da importância de conscientizar toda sociedade para evitar situações que colocam as crianças em risco

Baixar arquivo