OMS: Cuidado materno é tema do Dia Mundial da Segurança do Paciente

O cuidado neonatal seguro também marca a data celebrada nesta sexta

Publicado em 16/09/2021 - 21:41 Por Fabiana Sampaio - Repórter da Rádio Nacional - Rio de Janeiro

O cuidado materno e neonatal seguro é o tema escolhido pela Organização Mundial de Saúde para o Dia Mundial da Segurança do Paciente 2021, comemorado nesta sexta-feira.

Dados da Organização Mundial da Saúde, apontam que 830 mulheres morrem todos os dias no mundo por causas evitáveis relacionadas à gravidez e ao parto. Os números são ainda maiores quando se trata especificamente dos bebês: anualmente, 2 milhões e meio deles morrem logo após o nascimento.

Um evento online promovido pela ANS, Agencia Nacional de Saúde Suplementar, debateu nesta quinta-feira ações para aumentar a segurança e os cuidados para mães e bebês durante o parto aqui no Brasil.

A live fez parte das ações da Aliança Nacional para o Parto Seguro e Respeitoso, que reúne cerca de 50 entidades em prol do cuidado materno neonatal, liderado pela Sociedade Brasileira para a Qualidade do Cuidado e Segurança do Paciente. 

O idealizador da Aliança, Vitor Grabois, presidente da Sociedade Brasileira pela Qualidade e Segurança do Paciente, afirma que os problemas demandam não apenas políticas públicas, mas também sociais.

Além das políticas sociais, outras as ações que a aliança defende para melhoria da condição de gestantes, bebes e mulheres que tiveram filho recentemente, são o fortalecimento das redes de atenção, prevenção e fortalecimento do pré-natal.  

De acordo com o IBGE, a taxa de mortalidade materna no país em 2018 foi de cerca de 59 óbitos para cada cem mil nascidos vivos, quase o dobro da meta da ONU de reduzir para 30 o número de mortes até 2030.

Essa situação foi agravada pela pandemia no Brasil, que chegou a registrar 38 óbitos maternos por covid-19 a cada semana em 2021, segundo dados do Observatório Obstétrico Brasileiro.

Edição: Beatriz Arcoverde

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Educação

Como lidar com a ansiedade na hora do Enem

À medida que o Exame Nacional do Ensino Médio se aproxima, aumentam a ansiedade e o nervosismo de muitos candidatos. O que é natural, já que o desempenho nessas provas pode definir o futuro profissional de muita gente.

Baixar arquivo
Economia

Estudo da UFSCar aponta que 3/4 do comércio de vizinhança é de comida

ma pesquisa da Universidade Federal de São Carlos, em São Paulo, analisou esse tipo de comércio, tanto em edifícios residenciais quanto em um condomínio de casas, de abril a novembro do ano passado. E descobriu que a cada quatro vizinhos comerciantes, três vendem algum tipo de alimento.

Baixar arquivo
Meio Ambiente

Próximo à COP26, governo cria comitê sobre mudanças climáticas

Também foi criado nesta segunda-feira (25) o Programa Nacional de Crescimento Verde, coordenado pelos ministérios do Meio Ambiente e da Economia. A iniciativa tem como objetivo aliar a redução das emissões de carbono, conservação de florestas e uso racional de recursos naturais com geração de emprego verde e crescimento econômico.

Baixar arquivo
Política

Justiça Eleitoral vai centralizar dados sobre direitos políticos

São aqueles que definem em que casos as pessoas não podem votar ou em que situações elas não podem ser eleitas. Para isso, o Infodip, Sistema de Informações de Óbitos e Direitos Políticos, passará a ser centralizado no Tribunal Superior Eleitoral, em vez de ficar dividido entre os tribunais regionais.

Baixar arquivo
Saúde

Governo do RJ investiga morte de policiais com febre maculosa

A Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro investiga as mortes de dois policiais militares com suspeita de febre maculosa.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Código com leis que defendem as mulheres é lançado em São Paulo

A lei aprovada pela Assembleia Legislativa do Estado e sancionada pelo governador João Dória, no último dia 15, reúne todas as leis que tratam de direitos das mulheres.

Baixar arquivo