Entenda a importância do diagnóstico precoce do autismo

Publicado em 25/10/2021 - 18:38 Por Igor Cardim* - Estagiário da Rádio nacional - Brasília

Você conhece a sigla T.E.A? Esse é o Transtorno do Espectro Autista, que está ligado ao desenvolvimento neurológico. Existem várias formas de manifestação do transtorno classificadas em leves, moderadas e severas.

Na maior parte dos casos, os sinais aparecem logo na infância: dificuldades na comunicação, na compreensão e na interação social são característicos de alguns autistas. Mas não são regra geral.

A pediatra Ana Márcia Alves, alerta para a necessidade de um diagnóstico precoce. Para ela, dessa forma é possível fazer estimulações precoces à criança autista.    

As famílias ou responsáveis por uma pessoa diagnosticada com autismo enfrentam uma batalha diária para garantir direitos e acessibilidade. Quem relata essas dificuldades é a Cátia Medeiros, que é mãe do Vinícius, um adulto de 29 anos, autista, com grau severo de comprometimento. Ele é não-verbal e não-alfabetizado. O diagnóstico veio aos 2 anos e meio de idade e ela pôde procurar um tratamento pro filho.

Em 2016, em parceria com outras 4 mães, criaram a Associação Pais e Amor, que hoje, presta assistência à mais de 200 famílias.

Ela diz que muitas barreiras precisam ser rompidas ainda, principalmente na área da assistência social e suporte as famílias, mas comemora o avanço nos direitos dos autistas.

Em janeiro de 2020, a Lei Romeo Mion entrou em vigor, ela criou a Carteira de Identificação da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista, que deve ser emitida de forma gratuita por estados e municípios. Esse documento permite que a pessoa autista tenha preferência em filas e acesso à meias-entradas. Um alívio para a Cátia e tantas outras mães.

A Lei Romeo Mion faz parte da Política Nacional de Proteção dos Direitos da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista, criada em 2012.  

Esse documento garante o atendimento integral de saúde da comunidade autista, como o diagnóstico precoce, o atendimento multiprofissional e o acesso a medicamentos e nutrientes pelo SUS.

*Com supervisão de Raquel Mariano.

Edição: Raquel Mariano / Guilherme Strozi

Últimas notícias
Economia

Empregador que não paga 13º salário a trabalhador pode ser punido

O 13º salário é um direito do trabalhador garantido por lei na Constituição Federal. A primeira parcela deve ser paga até o dia 30 de novembro e a segunda até o dia 20 de dezembro.

Baixar arquivo
Geral

Mila Moreira, atriz e modelo, morre aos 72 anos, no Rio de Janeiro

A causa da morte de Mila Moreira não foi divulgada. Ao longo da carreira, ela participou de mais de 30 novelas e minisséries na TV. No cinema, trabalhou em seis produções.

Baixar arquivo
Geral

Seaster lança pesquisa sobre tráfico de pessoas no Pará

Os resultados da pesquisa são inéditos e auxiliam na identificação de medidas para combater a expansão do tráfico de pessoas no estado

Baixar arquivo
Economia

Inflação para os mais pobres sobe quase 1% em novembro

De acordo com os dados divulgados nesta segunda-feira pela FGV, as pressões para essa alta vieram dos aumentos nos itens alimentação, energia elétrica e combustíveis.

Baixar arquivo
Saúde

Rio instala tenda para atender casos de gripe em Botafogo

Esta é a terceira inauguração dentro do plano de contingência da secretaria de Saúde. Somente na última semana, a procura por atendimentos em todo o estado, aumentou 400%.

Baixar arquivo