Polícias do Rio seguem com megaoperação de combate a milícias

Publicado em 17/11/2021 - 11:40 Por Cristiane Ribeiro - Repórter da Rádio Nacional - Rio de Janeiro

A Polícia Militar do Rio de Janeiro continua nesta quarta-feira (17) com uma megaoperação de combate à atuação das milícias em comunidades e áreas próximas, em vários pontos da cidade. Policiais militares de batalhões do Comando de Operações Especiais estão desde o início da manhã atuando nas comunidades do Dezoito e Caixa D'Água, em Quintino, e da Barão, Covanca, Bateau Mouche e São José Operário, em Jacarepaguá.

A operação, em conjunto com a Polícia Civil, começou nessa terça-feira (16) e 16 pessoas foram presas acusadas de vários crimes: entre eles, a exploração de atividades ilegais controladas pela milícia, cobranças irregulares de taxas de segurança e de moradia, instalações de centrais clandestinas de TV a cabo e de internet, armazenamento e comércio irregular de botijões de gás e água, exploração e construções irregulares, crimes ambientais, comercialização de produtos falsificados, contrabando e transporte alternativo irregular.

Além das prisões, os agentes interditaram estabelecimentos comerciais de venda irregular de gás e de provedores clandestinos de internet. Também foram apreendidos fuzis e pistolas, munições, carregadores e coletes a prova de balas.

De acordo com a Secretaria de Estado da Polícia Civil, a força-tarefa foi às ruas para prender criminosos e asfixiar as fontes de renda da organização chefiada por Luiz Antônio da Silva Braga, o Zinho, um dos milicianos mais procurados pela polícia. A ação é fruto de investigações e trabalho de inteligência das delegacias especializadas e conta com o apoio de informações do Disque Denúncia.

Edição: Ana Lúcia Caldas / Nathália Mendes

Últimas notícias
Política

PEC dos Precatórios é promulgada pelo Congresso Nacional

A proposta aprovada possibilita a mudança no cálculo do teto de gastos e abre um espaço de R$ 106 bilhões no Orçamento da União. Parte dos recursos deverá custear o Auxílio Brasil. 

Baixar arquivo
Saúde

Butantan vai doar 400 mil vacinas de gripe para o Rio de Janeiro

A cidade está com imunização parada há seis dias, por falta de vacinas, e teve 21 mil casos da doença diagnosticados nas últimas três semanas.

Baixar arquivo
Saúde

Pfizer diz que três doses de vacina podem neutralizar variante Ômicron

Estudo preliminar mostrou que duas doses podem não ser suficientes para proteger as pessoas contra a infecção pela nova variante. Ainda assim, as empresas afirmam que duas aplicação são capazes de proteger contra casos graves da doença.

Baixar arquivo
Economia

CNA projeta crescimento de 2,4% no PIB da agropecuária em 2022

A safra 2021/2022 deve chegar a 289 milhões de toneladas, volume 14% maior que a anterior; foram produzidas na safra 2020/2021 252 toneladas de grãos. 

Baixar arquivo
Saúde

Consórcio Nordeste pede cancelamento de festas de Ano Novo e carnaval

O Comitê Científico do Consórcio Nordeste emitiu uma recomendação para que os estados não realizem as festas de Réveillon e o carnaval, uma vez que colocar milhões de pessoas nas ruas, em aglomerações, é assumir um risco.

Baixar arquivo
Internacional

Olaf Scholz é eleito novo chanceler da Alemanha

Aos 63 anos, o ex-ministro das Finanças de Angela Merkel se torna o nono chanceler da Alemanha no pós-guerra. Ele venceu a votação secreta por 395 votos do 736 deputados do plenário.

Baixar arquivo