Conselho interamericano analisará cuidados alimentares das Américas

Certificação e higiene de alimentos são os principais focos do estudo

Publicado em 02/04/2020 - 20:03 Por Alana Gandra - Repórter da Agência Brasil - Rio de Jabeiro

O Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA) anunciou hoje (2) em São José, Costa Rica, a criação de um Conselho Consultivo de Segurança Alimentar das Américas, integrado por pessoas de oito países que tenham contribuído para o setor agroalimentar nos âmbitos acadêmico e político.

A ideia é que o conselho passe a analisar o impacto do novo coronavírus na segurança alimentar da região, passando recomendações possam ser úteis para a tomada de decisões das várias nações que compõem o IICA.

Em entrevista dada hoje (2) à Agência Brasil, o representante brasileiro no conselho, coordenador do Centro de Agronegócios da Fundação Getúlio Vargas, Roberto Rodrigues, disse que o grande tema é a sanidade. “Essa pandemia deu uma dimensão muito mais realista da fragilidade dos países no mundo inteiro quanto à questão sanitária de alimentos, de animais, de vegetais, como são expostos a problemas muito amplos por causa da questão sanitária”, disse o engenheiro agrônomo.

Outro ponto que o conselho promete verificar é o da rastreabilidade, certificação de alimentos e países que consomem carnes de animais exóticos, “Como os alimentos são produzidos, em que circunstâncias, com que insumos, com que processos, com que mão de obra, para o consumidor ter mais segurança do que está comprando”. Por isso, a questão sanitária é a principal demanda no conselho do IICA, disse Rodrigues.

O conselho se reunirá de forma virtual. Além de Roberto Rodrigues, do Brasil, integram o conselho Gloria Abraham (Costa Rica), Chelston Brathwaite (Barbados), Carlos Gustavo Cano (Colômbia), Cassio Luiselli (México), Elsa Murano (Estados Unidos), Martín Piñeiro (Argentina), Álvaro Ramos (Uruguai) e Eduardo Trigo (Argentina).

Edição: Mario Toledo

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Presidente russo, Vladimir Putin, visita hospital de Moscou com roupa de proteção
Internacional

Rússia: médicos serão vacinados contra covid-19 em duas semanas

Alexander Gintsburg, diretor do Instituto Gamaleya, produtor da vacina, disse que o país planeja ter capacidade para produzir 5 milhões de doses por mês entre dezembro e janeiro.

Pesquisadores retiram soro de cavalo
Saúde

Soros produzidos por cavalos têm anticorpos potentes para covid-19

O coordenador do projeto, Jerson Lima Silva, da UFRJ, apresenta os resultados da pesquisa hoje (13) à noite, durante simpósio sobre covid-19 na Academia Nacional de Medicina, no Rio.

Funcionário da CureVac demonstra fluxo de pesquisa para vacina contra coronavírus em Tuebingen, na Alemanha
Internacional

Instituto alemão diz que vacina pode estar disponível logo

Em comunicado, o Instituto Robert Koch informou em seu site que uma primeira vacina poderá estar pronta até o outono de 2020, mas que o impacto pode ser moderado devido a mutações virais.

Apostadores fazem fila em casa lotérica. A Caixa Econômica Federal sorteia hoje (08) as seis dezenas do concurso 2.149 da Mega-Sena acumulada, que deve pagar um prêmio de R$ 170 milhões.
Geral

Mega-Sena sorteia nesta quinta-feira prêmio de R$ 12,5 milhões

As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília), nas casas lotéricas credenciadas pela Caixa, em todo o país ou pela internet.

Uma mulher usando uma máscara protetora caminha perto do Arco do Triunfo enquanto a França enfrenta um surto de doença por coronavírus (COVID-19), em Paris
Internacional

França tem recorde de casos pós-lockdown, sem pressão sobre hospitais

Para o ministro da Saúde, "existem várias explicações, principalmente o fato de que os pacientes diagnosticados com covid-19 agora são mais jovens, entre 20 e 40 anos, e menos frágeis.

Economia

Lucro líquido da Eletrobras chega a R$ 4,6 bilhões no trimestre

Ebitda, sigla para lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização, foi R$ 7,8 bilhões, valor 483% maior do que o mesmo período de um ano atrás.