São Paulo ultrapassa 628 mil casos do novo coronavírus

Do total de casos diagnosticados, 426.856 pessoas estão recuperadas

Publicado em 10/08/2020 - 14:32 Por Elaine Patricia Cruz – Repórter da Agência Brasil - São Paulo
Atualizado em 10/08/2020 - 14:50

Com 1.289 novos casos e 37 mortes computadas nas últimas 24 horas, o estado de São Paulo soma agora 628.415 casos confirmados do novo coronavírus (covid-19), com 25.151 mortes. Às segundas-feiras, o número de novos casos e de óbitos costuma ser menor por causa de um atraso nas contabilizações que ocorre durante o final de semana.

Do total de casos diagnosticados, 426.856 pessoas estão recuperadas da doença, sendo 77.237 delas após internação.

Há 5.427 pessoas internadas em estado grave em todo o estado, em casos suspeitos ou confirmados do novo coronavírus, além de 7.086 internadas em enfermarias. A taxa de ocupação de leitos de unidades de terapia intensiva (UTI) no estado está em 59,1%, enquanto na Grande São Paulo está em 57,6%.

Aumento de casos

Após apresentar duas semanas consecutivas de queda no número de óbitos provocados pelo novo coronavírus (covid-19, o estado de São Paulo voltou a ter aumento de mortes na semana passada, correspondente à 32ª Semana Epidemiológica, de 2 a 08 de agosto.  

Na semana passada foram 1.780 mortes, o que corresponde a uma média móvel de 254 mortes por dia. Na semana anterior, entre os dias 26 de julho e 1 de agosto, correspondente à 31ª Semana Epidemiológica, o número foi de 1.719, média de 245 mortes por dia.

A média móvel de óbitos em São Paulo se mantém acima de 200 mortes por dia desde a 22ª Semana Epidemiológica, dos dias 24 a 30 de maio.

Segundo o secretário estadual da Saúde, Jean Gorinchteyn, o aumento do número de mortes na semana passada se deve ao fato de que, há duas semanas, houve um aumento na taxa de internação. 

“Tivemos um aumento no número de óbitos nesta última semana epidemiológica de 5%. Mas isso tem uma justificativa: é resultado da maior taxa de internação que ocorreram há duas semanas. A perspectiva é que tenhamos uma redução desse número de óbitos nas próximas semanas frente à redução das internações”, disse.

De acordo com o secretário, o estado teve, na 32ª Semana Epidemiológica, uma redução de 7% na taxa de internação, mantendo a queda que vem sendo observada há duas semanas.

Casos

Apesar do aumento nas mortes, o estado apresentou, na 32ª Semana Epidemiológica, um número menor de casos confirmados. Foram 69.413 novos casos registrados durante essa semana, uma média móvel de 9.916 casos por dia. Na semana anterior foram 72.837 casos, média de 10.405 por dia. 

O governo paulista vem dizendo que o aumento no número de casos se deve à maior testagem, mas não explicou a queda observada na última semana. 

Segundo o secretário, desde o início da pandemia, o estado já fez mais de 2,2 milhões de testes, sendo 60% deles de RT-PCR, que identifica o vírus ativo.

Edição: Fernando Fraga

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias